Entrar

Saiba como funciona o monitoramento CNPJ para empresas

Com ele, você acompanha a saúde financeira da sua empresa!

colunista Vanessa
Publicado em: 28 de março de 2022.

Toda pessoa empreendedora ou que administra uma empresa sabe a importância de ficar atento a tudo que envolve o nome da companhia. O monitoramento CNPJ da Serasa é um ótimo aliado para essa missão!

Seja você um micro ou grande empreendedor, é importante monitorar o CNPJ da sua empresa, entender tudo sobre a sua situação financeira e, principalmente, se existem ou não dívidas.

Além disso, o monitoramento CNPJ serve principalmente para acompanhar negativações por possíveis dívidas ou até mesmo se a empresa sofreu alguma possível fraude.

A ferramenta Serasa Premium é ideal para quem quer acompanhar a segurança do CNPJ ou do CPF. Ela monitora o que acontece com seus dados e emite alertas em caso de vazamento.

Ou seja, é possível monitorar seus dados pessoais ou os dados da empresa, e ficar tranquilo em relação às negativações ou possíveis fraudes.

Focando no CNPJ, neste texto vamos te ajudar a entender o que é o Serasa Premium, como funciona o serviço de monitoramento, como usá-los e os custos para manter sua empresa sempre protegida.

O que é CNPJ?

Antes de mais nada, para entender a importância de cuidar do CNP – Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas –, é preciso saber o que é e para que serve este cadastro.

Qualquer empresa que queira estar legalizada no país precisa ter um CNPJ. É este cadastro que determina que há uma pessoa jurídica, portanto, possibilita a emissão de notas fiscais, abertura de conta em bancos, compras com fornecedores atacadistas, fazer declaração de impostos, entre outros atrativos.

Ou seja, o CNPJ é como se fosse o CPF das empresas, documento básico de identificação que toda empresa precisa ter antes de exercer suas atividades. São os números mais importantes de uma empresa. É pelo CNPJ que a empresa é reconhecida pelo Estado e registrada na Receita Federal.

O CNPJ é composto por 14 dígitos para serem sua identificação empresarial. O modelo do número segue este padrão: XX.XXX.XXX/0001-XX.

Ele é composto da seguinte forma: os primeiros 8 dígitos são a inscrição, seguido da parte que representa se é matriz ou filial (0001 – matriz, ou 0002 – filial), e finalmente, dois dígitos verificadores.

Os dígitos verificadores são obtidos mediante um cálculo matemático convencionado a partir da inscrição. Assim, é possível que a programação dos mais diversos sistemas, tanto o próprio sistema da Receita quanto de bancos ou de compras, tenham uma forma de verificar se o CNPJ é um dado real e não um número fictício.

Como consultar um CNPJ?

Qualquer pessoa pode consultar um CNPJ, pública e gratuitamente, direto pelo site da Receita Federal. O serviço se chama “Emissão de Comprovante de Inscrição e de Situação Cadastral”.

Isso é importante, pois muitos clientes gostam de comprovar se a empresa existe e confrontar alguns dados com quem irá fazer negócios – especialmente grandes negócios. Nessa consulta é possível, por exemplo, entender a situação do CNPJ.

Situações de CNPJs

De acordo com a Instrução Normativa da Receita Federal 1863, de 2018, estas são as seguintes situações cadastrais de um CNPJ:

  • Ativa: está tudo regular, com pagamentos em dia e sem problemas judiciais que impactem na empresa.

  • Suspensa: empresas que não cumpriram com as obrigações, tiveram algum tipo de não conformidade nos dados entregues à Receita ou estão sendo investigadas por possível fraude.

  • Inapta: é o status após dois anos de suspensão, quando a empresa segue irregular, sem apresentar os devidos dados contábeis.

  • Baixada: está extinta, por solicitação ou por ação da própria Receita Federal.

  • Nula: é quando o CNPJ torna-se inválido, o que ocorre por diversos motivos, normalmente situações de inconformidade de dados ou fraudes.

Para que serve o monitoramento CNPJ?

Agora que você já entendeu um pouco mais sobre o que é e para que serve um CNPJ, é hora de começar a entender por que monitorá-lo em tempo real.

A resposta é relativamente simples: monitorando, você estará no controle da saúde financeira da sua empresa. Agora, se você ainda precisa de motivação para entender a importância de monitorar o CNPJ, temos alguns pontos a serem considerados. Vamos lá?

  • Com o monitoramento, você sabe se não tem nenhuma dívida em seu CNPJ. Isso evita constrangimentos diante de fornecedores, parceiros ou cliente;

  • Você receberá relatórios sobre a situação financeira da empresa. Isso garante mais segurança e comodidade;

  • O serviço também te ajuda a manter acesso ao crédito em bancos e instituições financeiras. Ao saber sua situação, você pode trabalhar para manter um bom relacionamento com o mercado;

  • Ajuda detectar indícios de fraude em relação a sua empresa, até mesmo pela internet ou na Dark Web, nome dado para a parte obscura da Deep Web, lugar não-controlado, onde normalmente são encontrados conteúdos ilícitos, como bens roubados, armas, drogas, etc.

  • Te ajuda, ainda, a entender se seu CNPJ pode estar sob risco de fraude.

Como contratar o monitoramento CNPJ?

Gostou da ideia de cuidar do principal documento da sua empresa, não é? Para ter acesso a esse serviço, basta que você assine o Serasa Premium. Com ele, você tem acesso a estes e outros serviços bastante relevantes, seja como pessoa jurídica ou pessoa física.

Assinando, você recebe alertas quando algo suspeito acontecer com seus dados. A qualquer momento, sempre que houver algo de estranho acontecendo, o Serasa Premium te avisa por e-mail ou SMS, assim fica mais fácil agir rapidamente e evitar maiores problemas.

Serasa Premium

Com a conta Premium da Serasa, você evita as fraudes antes que elas aconteçam com você.
  • Lock&Unlock: bloqueie seu Serasa Score para consultas

  • Saiba quem consultou seu CPF e CNPJ

  • Receba alertas de variações do Serasa Score

  • Receba alertas sobre vazamentos de dados na Dark Web

  • Conte com um consultor VIP para atendimento exclusivo

Planos do Serasa Premium

O Serasa Premium é dividido em dois planos:

● Plano mensal: R$19,90 por mês no cartão de crédito
● Plano anual, R$169,90 à vista, ou em 12 vezes de R$14,16

E aí? Corre para o site do Serasa Premium e conheça a função Antifraude para monitorar o CNPJ da sua empresa.