Entrar

eCred Ensina: Como ganhar dinheiro no YouTube

Confira com 5 dicas infalíveis!

Sabe como os youtubers ganham dinheiro?

Se você quer saber como se tornar um influencer digital e fazer do YouTube sua principal fonte de renda ou ter um extra, confira as dicas e sugestões do Serasa Ensina para começar a ganhar dinheiro no YouTube.

Em 2005, três colegas de uma empresa de tecnologia, nos Estados Unidos, criaram o YouTube, que significa “canal feito por você”. Naquela época, eles criaram a plataforma para facilitar o compartilhamento de arquivos de vídeo, que são pesados, e era feito até então por e-mail. Qualquer pessoa pode criar um canal no YouTube, colocar seus vídeos, para que sejam vistos no mundo todo.

Lucrativo e Divertido

Desde 2006, o YouTube pertence ao Google, é uma das plataformas mais lucrativas para o grupo e para os usuários, conhecidos como youtubers. Eles fazem sucesso e ganham dinheiro em seus próprios canais, produzindo diversos tipos de conteúdo, principalmente o de entretenimento, um seguimento lucrativo que deixou muitos produtores famosos.

Agora que você já sabe o que é, que tal criar um canal no YouTube e ganhar dinheiro?

Confira nosso passo a passo para ter sua conta e começar a produzir conteúdo:

  • Acesse o Google

  • Crie um e-mail no Gmail

  • Acesse o YouTube

  • Clique no seu perfil, o ícone fica no canto direito da tela

  • Entre no estúdio de criação

  • Vá para o seu canal, que fica no menu do lado esquerdo da tela

  • E pronto, agora é só fazer o upload do seu vídeo!

Qual tema escolher para os vídeos?

No YouTube há espaço para debater os mais variados tipos de assuntos e temas. Por isso, ao definir o tema do seu canal, escolha algo que você goste e tenha domínio para falar.
Outro ponto fundamental para quem tem ou quer ter um canal na plataforma é a constância de publicações para gerar engajamento. Converse com seu público para saber o que mais interessa. No YouTube, o desempenho é medido pelo número de visualizações e participação das pessoas que te assistem. Mantenha o foco e seja original!

Mas como ganhar dinheiro com o YouTube?
Para que seu canal seja de fato uma fonte de renda você precisa seguir alguns passos e prestar atenção em alguns pontos. Por isso, se você chegou até aqui, saiba que este é o ponto alto do texto.

5 formas de ganhar dinheiro no YouTube

  • Anúncio
    Uma das formas de ganhar dinheiro no YouTube é fazendo anúncios, ou seja, fazer propaganda de serviços e produtos nos seus vídeos. Para que empresas queiram anunciar com você, seu canal precisa ter muitos inscritos e visualizações nos vídeos.

  • Patrocínio
    Ser patrocinado significa que outra pessoa ou empresa paga para que seu conteúdo seja publicado. Para conseguir patrocínios é fundamental que seu conteúdo gere bastante engajamento por parte do seu público.

  • Canal pago
    Quando você tem um canal pago no YouTube, quer dizer que seus usuários precisam assinar seu canal para ver o vídeo. Uma estratégia, nesse caso, é criar conteúdo exclusivo para assinantes.

  • Nicho específico
    Nesse caso, o youtuber cria conteúdo específico para divulgar serviços e produtos de forma aprofundada, divulgando conteúdos relacionados ao tema do seu canal. As pessoas assistem aos seus vídeos porque você fala de assuntos extremamente interessantes para elas.

  • Foco no produto
    Se você já trabalha com algo, produzir vídeos para promover seu produto ou serviço também pode ser uma forma de monetizar no YouTube. Por exemplo, se você faz bolos e doces, pode produzir conteúdo voltado para suas atividades de confeitaria.

Agora você que você já sabe como os Youtubers ganham dinheiro, está pronto para criar seu canal, produzir seu conteúdo e faturar sua grana. Mas antes disso, acesse o canal do Serasa Ensina no YouTube, e inscreva-se para não perder nenhum vídeo. Nos vemos no YouTube!

serasaecred.com.br pertence e é operado pela Serasa S. A., uma sociedade anônima sob o CNPJ/MF 62.173.620/0104-95, com domicílio na Rua Dr. Léo de Carvalho, 74 – Sala 1105 – Bairro Velha – Blumenau-SC – CEP 89036-239. A Serasa S.A. não é instituição financeira. Somos um correspondente bancário das instituições: BANCO CBSS S/A – CNPJ: 27.098.060/0001-45, Banco Votorantim S.A. – CNPJ/ME: 59.588.111/0001-03, Banco Pan S.A. – CNPJ: 59.285.411/0001-13, Finamax S./A. – Crédito, financiamento e investimento – CNPJ: 00.411.939/0001-49 e possuímos uma plataforma online (“Serasa eCred”) que facilita o acesso de clientes a produtos e serviços ofertados por instituições financeiras parceiras e credenciadas na plataforma.

Os correspondentes bancários são empresas contratadas por instituições financeiras e demais instituições autorizadas pelo Banco Central do Brasil para a prestação de serviços de atendimento aos clientes e usuários dessas instituições. A atividade de correspondente bancário é regulada pelo Banco Central do Brasil, nos termos da Resolução nº. 3.954, de 24 de fevereiro de 2011. Prazo de pagamento: varia de acordo com a Instituição Financeira escolhida, podendo ser entre 3 e 60 meses. Custo Efetivo Total (CET): varia de acordo com a Instituição Financeira escolhida, podendo ser entre 26,76% e 605,85% a.a. Exemplo: Empréstimo de R$5.000,00. Taxa de juros: 3,23% a.m. A pagar em 18 parcelas mensais de R$380,55. Total a pagar: R$6.849,90. IOF incluso: R$134,00. Tarifa: R$0. CET: 52,80% a.a.

O Serasa eCred tem como compromisso a transparência com nossos clientes. Antes de iniciar o preenchimento de uma proposta, serão exibidos de forma clara: a taxa de juros utilizada, tarifas aplicáveis, número de parcelas, impostos (IOF) e o custo efetivo total (CET). Nossa central de atendimento está disponível para esclarecimento de dúvidas sobre quaisquer dos valores apresentados. Serasa Consumidor informa: o Serasa eCred é uma plataforma de comparação de ofertas de crédito 100% gratuita para consumidores.

Não realizamos nenhum tipo de cobrança para apresentar a você as propostas de crédito dos nossos parceiros. Caso receba alguma cobrança, não faça nenhum depósito ou pagamento, e entre em contato com o nosso time de atendimento.