Entrar

Fazer um seguro cartão Itaú é um bom negócio? Descubra

Você sabe como funciona o seguro cartão Itaú? Descubra para que serve, quanto custa e se vale a pena contratar.

colunista Elaine Ortiz
Publicado em: 23 de março de 2022.

Seguro cartão Itaú. Será que vale a pena contratar o serviço do banco para proteger seu cartão de crédito? Se você já fez essa pergunta, continue a leitura! Hoje vamos explicar tudo a respeito.

Afinal, infelizmente, o Brasil é campeão quando o assunto é vazamento de dados de cartões. Segundo informações da empresa de cibersegurança Axur, o país protagonizou 45,4% do total de casos ocorridos no mundo inteiro em 2019. E mais recentemente, em janeiro de 2022, os dados dos cartões de crédito de 227 mil brasileiros foram roubados e estavam à venda na dark web, de acordo com a NordVPN.

Além dos crimes e golpes virtuais, furtos, roubos, sequestros-relâmpago também são muito frequentes. Fora isso, perdas ocasionais podem ocorrer no dia a dia, no transporte público, no shopping, em qualquer lugar. Diante disso tudo, é ou não é importante pensar em formas de se proteger?

Leia também | 3 sinais de que você teve seu cartão de crédito clonado

Seguro cartão Itaú: como funciona?

Seguro de cartão nada mais é do que uma forma de minimizar seu prejuízo caso você tenha o seu cartão de crédito utilizado por outra pessoa. Ele funciona como qualquer seguro: você paga uma taxa fixa mensal e em troca fica protegido contra alguns riscos.

A maior parte do seguros de cartão custam entre R$ 5 e R$ 10 e o valor é descontado diretamente da sua conta ou lançado na fatura do cartão de crédito. Mas fique atento! Se você não solicitar e não autorizar, a cobrança do seguro não pode ser feita, certo?

O seguro cartão Itaú, especificamente, funciona dessa forma também e além de proteger o cliente contra vários imprevistos, oferece alguns benefícios diferentes, como por exemplo o sorteio de prêmios semanais de R$10 mil pela Loteria Federal.

Mas, o mais importante na hora de escolher qual seguro contratar para seu cartão é saber exatamente o que faz parte da cobertura e o que não faz. Abaixo, detalhamos essas informações.

Leia também | Cartão de crédito: como funciona o dinheiro de plástico?

Qual a cobertura do seguro cartão protegido Itaú?

O seguro cartão Itaú possui uma cobertura bem ampla. Confira a lista de sinistros garantidos pelo banco:

1. Saque, transações e compras sob coação

Garante ao segurado o ressarcimento dos prejuízos financeiros decorrentes de saques, compras e transações financeiras realizadas com o cartão segurado (ou biometria cadastrada) sob coação mediante a utilização de força física ou grave ameaça moral com uso de arma de fogo ou arma branca.

2. Roubo ou furto após saque

Garante o ressarcimento do dinheiro sacado em terminal de caixa eletrônico ou caixa humano de agências do Banco Itaú que foi roubado ou furtado em até oito horas após o saque com o cartão segurado e/ou por meio da utilização da tecnologia de Biometria, desde que esteja em poder e guarda do segurado.

3. Bolsa protegida

Garante o ressarcimento dos valores dos itens que forem roubados ou furtados junto com o cartão, desde que sejam de propriedade e que o segurado os esteja portando e estejam sob sua guarda no momento do evento. Neste caso, os itens cobertos pelo seguro são: bolsa, pasta, mochila, carteira, relógio, Smartphone (exceto acessórios), óculos de sol, ou de grau, cosmético e perfumes, notebook, tablet, kindle, calculadora, carteira de trabalho, passaporte, registro do veículo e chave do veículo.

Lembrando que para solicitar esta cobertura, é necessário apresentar as notas fiscais de todos os bens roubados em nome do titular do seguro. E não estarão cobertos: valores em espécie; bens furtados ou roubados no interior da residência e bens furtados ou roubados no interior do veículo.

4. Compra com cartão

Garante a devolução do valor dos bens furtados ou roubados que foram adquiridos com o cartão segurado em estabelecimento comercial físico e presencialmente, no período de até 24 (vinte quatro) horas posteriores ao recebimento do bem pelo segurado.

5. Morte acidental ou invalidez permanente e total por crime

A cobertura de Morte garante aos beneficiários do segurado o pagamento do valor indicado no certificado do seguro em caso de morte do segurado em consequência de crime. Já a cobertura de invalidez garante ao próprio segurado o pagamento do valor indicado no certificado do seguro em caso de perda, ou impossibilidade funcional definitiva total de um membro ou órgão, em virtude de lesão física causada por crime praticado contra segurado.

6. Diária única por internação hospitalar em decorrência de crime

Essa cobertura garante ao segurado o pagamento do valor indicado no certificado do seguro, caso permaneça hospitalizado por mais de doze horas, em decorrência de crime coberto pelo seguro.

E o que o seguro cartão Itaú não cobre?

Agora que você já sabe quais situações estão cobertas pelo seguro cartão Itaú, talvez esteja se perguntando o que não entra nesta lista. Confira, abaixo, o que o seguro do banco não cobre:

1. Clonagem de cartão
2. Qualquer fraude, inclusive eletrônica;
3. Danos morais e corporais;
4. Qualquer golpe ou fraude em que o segurado forneceu a sua senha do cartão espontaneamente, por exemplo, quando o fraudador troca o cartão após visualizar o segurado digitar a senha numa compra ou transação financeira
5. Empréstimos bancários;
6. Coação em que o segurado não seja a própria vítima, ainda que o portador tenha sido por ele autorizado a utilizar o cartão, inclusive o outro titular da conta conjunta;
7. Eventos ocorridos antes da contratação do seguro;
8. Invalidez permanente parcial;

Itens excluídos para cobertura de saque, transação e compra sob coação:

9. Valores sacados para pagamento de resgate de bens, como, por exemplo, no caso de roubo/furto de veículos automotores onde o criminoso pede resgate para entregá-lo ao segurado;
10. Coação em que o segurado não seja a própria vítima, mesmo que o portador do cartão seja co-titular da conta conjunta, quando for o caso, ou, ainda, que o portador tenha sido autorizado.

Itens excluídos para cobertura de roubo ou furto após saque:

11. Dinheiro em espécie deixado em local de acesso público ou privado;
12. Dinheiro que não esteja em poder do segurado;
13. Dinheiro que esteja em posse de terceiros, como, por exemplo, funcionário, amigo, cônjuge, filho e entres outros;

Itens excluídos para cobertura de Bolsa Protegida:

14. Valores em espécie;
15. Bens furtados ou roubados no interior da residência;
16. Bens furtados ou roubados no interior do veículo.

Itens excluído para cobertura de Compra com cartão:

17. Objetos deixados e/ou instalados ao ar livre, local aberto ou semiaberto;
18. Bens recuperados após o evento, custo de conserto ou reparo de bens danificados.

Leia também | Cartão de crédito fácil de aprovar não é lenda, conheça opções

Seguro cartão protegido Itaú: valor em 2022 e como contratar

Os preços do seguro cartão protegido Itaú podem variar dependendo da categoria do seu cartão. É necessário verificar diretamente no aplicativo do banco ou com seu gerente os valores vigentes.

Um seguro cartão protegido múltiplo, por exemplo, custa R$ 6,49 por mês e os valores cobertos são:

  • Bolsa Protegida: R$ 3.629,61

  • Saque, transações e compras sob coação: R$ 26.175,31

  • Roubo ou furto após saque: R$ 1.814,9

  • Morte acidental ou invalidez permanente por crime: R$ 19.631,47

  • Diária única hospitalar em decorrência de crime: R$ 654,34

  • Compra com cartão: R$ 7.703,58

*valores consultados em 17 de março de 2022.

Como cancelar seguro cartão Itaú?

Cancelar o seguro cartão Itaú é simples e pode ser feito a qualquer momento. Basta acesse sua conta, clicar em Contratar / Cancelar Seguro Cartão Protegido. Ou ligar na Central Corretora de Seguros no telefone 4090-1125 (capitais e regiões metropolitanas) ou 0800 791 1125 (demais localidades).

Afinal, seguro de cartão vale a pena?

Ter um seguro de cartão é uma decisão muito pessoal. Mas, de forma geral, pode ser bem recomendado para os usuários que utilizam muito o cartão, deslocam-se constantemente pelas cidades ou moram em regiões onde a violência urbana é mais frequente. Todas essas situações deixam essas pessoas mais expostas a riscos. Portanto, se este é o seu caso, o valor desembolsado mensalmente para pagar o seguro pode compensar os prejuízos e a dor de cabeça que você pode ter no futuro.

Quem tem muitos cartões diferentes, deve também considerar diminuir a quantidade, já que pagar seguro para cada um deles pode sair bem caro.

A última orientação dos especialistas é ficar atento ao tipo de seguro que você irá contratar. Muitas vezes, para o seu perfil não é necessário adotar o plano mais completo e mais caro de todos. Um seguro mais básico, e mais barato, pode te atender perfeitamente bem.

Ainda restou alguma dúvida sobre seguro cartão Itaú? Escreva para gente um comentário. E continue acompanhando os conteúdos exclusivos sobre educação financeira no blog da Serasa.

Aproveite também para acessar o Serasa eCred, serviço de crédito da Serasa na qual você encontra ofertas de empréstimo e cartão de crédito.