O benefício concedido pelo Governo Federal por causa da pandemia de Coronavírus (COVID-19), tem sido utilizado em golpes digitais. Se aparece “Auxílio Emergencial em Análise”, significa que é preciso ter certeza de seu CPF não está sendo usado indevidamente.

Conheça os planos do Serasa Antifraude: monitore seu nome

De acordo com o governo, das quase 97 milhões de pessoas que pediram o benefício, 32 milhões foram consideradas inaptas. Na visão do Ministério da Cidadania, boa parte desses pedidos foram tentativas de fraude no Auxílio Emergencial. No Paraná, 10.648 servidores municipais de 388 prefeituras receberam indevidamente o valor.

Hackers (criminosos da internet) utilizam como isca informações falsas a respeito do auxílio. A maliciosa intenção deles é roubar dados pessoais.

  • Entenda quais os riscos você corre e o como se prevenir desses golpes.
  • Descubra se seu CPF foi usado na fraude do Auxílio Emergencial.
  • Passo a passo para contestar o resultado do cadastro no Auxílio Emergencial.
  • Confira nossas dicas e não caia em ciladas.

SAIBA COMO EVITAR GOLPES DO AUXÍLIO EMERGENCIAL

E para que não restem dúvidas, vamos por partes…

O QUE É O AUXÍLIO EMERGENCIAL?

No dia 2 de abril de 2020, foi aprovada a Lei Nº 13.982, ela trata do Auxílio Emergencial. A medida foi aprovada pelo governo para reduzir os impactos econômicos e ajudar a população afetada pelo Coronavírus. Serão disponibilizados de R$ 600,00 a R$ 1.200,00, conforme os requisitos propostos. Confira mais no artigo completo sobre Auxílio Emergencial.

O QUE SÃO GOLPES DIGITAIS?

Os golpes cibernéticos ou digitais são crimes cometidos por hackers. Eles se esforçam para roubar seus dados, senhas e o máximo de informações pessoais. Tudo isso por meio da internet. Talvez você se pergunte: qual o interesse nas minhas informações?

Confira alguns exemplos do que pode ser feito a partir de dados vazados:

  • Clonagem de WhatsApp;
  • Abertura de contas bancárias;
  • Uso de cartões de crédito e cheque especial;
  • Empréstimos e financiamentos;
  • Abertura de empresas;
  • Compras na internet;

E muito mais.

Esses criminosos digitais utilizam iscas para “pescar” seus dados sem que você perceba. Isso também é chamado de phishing. Mensagens falsas (e muito elaboradas) que camuflam a intenção maliciosa deles. Se você quiser saber mais, consulte nosso artigo sobre Golpes Digitais.

Agora sim, vamos direto ao ponto…

TIPOS DE GOLPES USANDO O AUXÍLIO EMERGENCIAL

APLICATIVO FALSO

A Caixa Econômica Federal já bloqueou mais de 60 aplicativos falsos. Eles se parecem com a plataforma oficial, mas são impostores. Separamos três passos para você identificar o app oficial:

  1. Verifique o nome, ele deve ser exatamente “CAIXA| Auxílio Emergencial”;
  2. Abaixo do nome, observe quem é o fornecedor. A versão original é disponibilizada somente pela “Caixa Econômica Federal”;
  3. Baixe clicando no link disponível para o sistema operacional do seu celular Android ou iOS.

Consulte grátis seu Serasa Score

AUXÍLIO EMERGENCIAL POR E-MAIL

O Governo e a Caixa Econômica Federal não enviam comunicados ou avisos via e-mail. Mensagens que falam sobre o benefício ou solicitam o envio de dados, são golpes digitais. Também não clique em links e não faça o download de arquivos recebidos nesses e-mails. Eles são a porta de entrada para que hackers invadam seu dispositivo (computador, celular, tablet etc.)

CORRENTES DE WHATSAPP

Assim como por e-mail, comunicados da Caixa não são enviados via WhatsApp. Com frequência, as correntes recebidas são fakenews e tentativas de golpes. Os links que estão nessas mensagens também fazem parte da fraude. Clicar neles pode expor seu celular ao risco da clonagem.

SMS E LIGAÇÕES

Acredite, esses criminosos são muito empenhados. Talvez você receba “ligações da Caixa” para confirmar alguns dados. Desligue o telefone imediatamente. Essa é mais uma tentativa de fraudar seus dados. A Caixa Econômica não faz contato por telefone.

Outro golpe comum é o do SMS. Lembre-se: o único contato feito por mensagens SMS é para confirmação de acesso ao aplicativo. Apenas isso. Nenhum comunicado, link ou pedido de informações pessoais.

DESCUBRA SE O SEU CPF FOI USADO NA FRAUDE DO AUXÍLIO EMERGENCIAL

Para saber se o seu CPF foi usado indevidamente, siga o seguinte passo a passo:

  1. Acesse o site de consulta do Ministério da Cidadania
  2. Preencha os dados: CPF, nome completo, nome da mãe e data de nascimento
  3. Clique no quadrado “não sou um robô”
  4. Clique em enviar

Se você não fez o pedido, mas aparece a mensagem de Auxílio Emergencial em Análise ou aprovado, é preciso denunciar. A Caixa Econômica Federal orienta que a denúncia seja feita pelo telefone 121. Outra dica para evitar fraudes como essa é usar apenas os canais oficiais. Nada de clicar em links desconhecidos ou mensagens no Whatsapp.

AUXÍLIO NEGADO: PASSO A PASSO PARA CONTESTAR RESPOSTA

Para receber o benefício, é necessário cumprir alguns requisitos e também fazer o envio correto dos dados. Divergências nesses critérios, podem impedir que você receba o auxílio.

Porém, NÃO existem soluções mágicas ou opções alternativas. Nenhum outro método, serviço, aplicativo ou site poderá mudar essa situação. Apenas no aplicativo oficial da Caixa você conseguirá reverter isso.

Em caso de Auxílio negado ou inconclusivo: tenha certeza de que pode ser um beneficiado e revise os dados enviados. Será preciso refazer o cadastro:

  1. Acesse o site do Auxílio Emergencial ou use o aplicativo
  2. Clique em “Declaro que li e tenho ciência que me enquadro em todas as condições acima”
  3. Clique em “Autorizo o acesso e uso dos meus dados para validar as informações acima”
  4. Depois clique no botão “Atendo às condições, quero continuar”
  5. Em seguida, preencha os dados: CPF, nome completo, nome da mãe e data de nascimento
  6. Clique no quadrado “não sou um robô”
  7. Clique em enviar

Seu pedido será avaliado. Caso você preencha os requisitos para o benefício, o Auxílio Emergencial será liberado.

COMO EVITAR CAIR EM GOLPES COMO ESSE?

Seguindo as dicas até aqui, você sabe quase tudo sobre como evitar esses golpes. Dá uma olha nessa listinha com o resumo:

Lembre-se

  • Utilize o aplicativo oficial;
  • A Caixa Econômica Federal não faz ligações e não envia e-mails e WhatsApp;
  • O único SMS enviado é para confirmação de acesso no aplicativo;
  • Informe seus dados apenas dentro do app Auxílio Emergencial.

Não faça

  • Não clique em links recebidos via e-mails, correntes de WhatsApp ou SMS;
  • Não envie seus dados ou preencha questionários de origem desconhecida na internet;
  • Não passe informações em ligações suspeitas;
  • Não compartilhe informações não oficiais.

DICA DE OURO

Se proteja utilizando o Serasa Antifraude para monitorar seus dados na internet.

Monitore seu CPF e se proteja de fraudes

SERASA ANTIFRAUDE

O Serasa Antifraude faz o monitoramento dos seus dados. Ele acompanha como seus dados são utilizados, e te ajuda a evitar fraudes. Confira alguns benefícios e monitorar o seu nome.

Itens monitorados:

  • Vazamento de E-mail;
  • Vazamento de CPF;
  • Pré-negativação de dívidas;
  • Disponibilidade de crédito pré-aprovado;
  • Alteração no Score Serasa;
  • Número de consultas ao seu CPF;
  • Quantidade de CNPJ vinculados ao CPF.

Consulte grátis seu Score

GOLPES COM O AUXÍLIO EMERGENCIAL EM ANÁLISE? NÃO COM VOCÊ!

Além das dicas de segurança, você já sabe como monitorar seus dados também. Esse é o tipo de informação que vale a pena compartilhar com amigos. Acompanhe nossos conteúdos aqui no portal, canal no Youtube e podcast. E fique de olho se o seu benefício está com a mensagem “auxílio emergencial em análise”.

Inclusive, dá uma olhada na playlist CPF Protegido no YouTube.

Proteja o seu nome com Serasa Antifraude!

CONHEÇA OS PLANOS

Consulte grátis seu CPF e seu SCORE Comece agora uma nova vida financeira.

Consultar agora