Desde março estamos em quarentena em muitas cidades do país. E com a pandemia do Coronavírus (COVID-19), ficou difícil manter o pagamento de todas as contas. Isso porque, muitas pessoas perderam o emprego ou os viram os negócios pararem. Nesse cenário, o crédito pessoal ganhou algumas ajudas como a pausa nas prestações e os empréstimos prorrogados.

Selecionamento as principais medidas dos bancos para ajudar os consumidores.

1. DIMINUIÇÃO DAS TAXAS DE JUROS

Uma das mais rápidas mudanças do crédito pessoal é a diminuição dos juros do cheque especial e cartão de crédito. Essas são as duas formas de crédito mais usadas pelos brasileiros. Para saber qual é a taxa de juros desses serviços no seu caso, entre em contato com seu banco. Mas faça isso – claro – sem sair de casa. Use a central de atendimento ou confira no aplicativo da sua instituição. A Caixa, por exemplo, diminuiu para 2,9% ao mês a taxa do cheque especial e do cartão de crédito.

Se você precisa de crédito, faça uma simulação no Serasa eCred. Temos opções para todos os tipos de Score.

SEGUE QUE É SUCESSO!
Auxílio emergencial e outros benefícios da quarentena
Cadastro Único: como saber se faço parte?
CPF Suspenso: quais os motivos e como resolver

2. PAUSA NAS PRESTAÇÕES

Os grandes bancos ofereceram, pelo menos, 60 dias de carência para todos os contratos parcelados. Isso significa que os clientes podem adiar o pagamento das prestações de casa e de carro. Alguns bancos deram até 120 dias para essa carência. Ou seja, 4 meses para voltar a pagar as prestações. A medida também vale para outros financiamentos e tipos de dívida. Novamente, para saber se você tem direito, é preciso entrar em contato com seu banco.

Simule grátis o crédito ideal para todo tipo de Score

3. EMPRÉSTIMOS PRORROGADOS

Outra medida adotada pelos grandes bancos (Caixa, Banco do Brasil, Itaú, Bradesco e Santander) foi a prorrogação dos empréstimos. Com isso, o vencimento das dívidas foi suspenso por 60 dias. Mas esse caso serve apenas aos consumidores que estavam com o pagamento em dia antes da pandemia. Serve tanto para pessoa física (consumidores) como micro e pequenas empresas.

4. MAIS PRAZO PARA NEGATIVAÇÃO

A ANBC (Associação Nacional dos Birôs de Crédito) e FEBRABAN (Federação Brasileira de Bancos) anunciaram mudanças no prazo da negativação. Antes da pandemia, o processo de negativação era feito em cerca de 10 dias. A medida para ajudar os consumidores foi ampliada para 45 dias a partir de 17 de abril. Essa solução é válida por 90 dias e pode ser prorrogada.

Consulte grátis ofertas para suas dívidas e negocie online

5. SUSPENSÃO DO IOF EM EMPRÉSTIMOS

A quinta mudança no crédito pessoal durante a pandemia foi a suspensão da cobrança do IOF nas operações de crédito. O Imposto sobre Operações Financeiras foi suspenso por 90 dias (abril, maio e junho) em empréstimos, financiamentos e outros créditos. Na prática, esses serviços vão pesar menos no seu bolso. Antes, o IOF tinha alíquota de 3% ao ano nas operações de crédito. Segundo o governo, sem o IOF, a arrecadação vai cair em R$ 7 bilhões.

ATENDIMENTO BANCÁRIO

Nesse momento de pandemia e quarentena do Coronavírus (COVID-19), todos que puderem, devem ficar em casa. Por isso, os bancos ajustaram os limites de transações diárias pelo internet banking, aplicativo e telefone.

Além disso, os bancos incentivaram e facilitaram o uso dos canais digitais. A FEBRABAN sugere que o contato com os bancos aconteça preferencialmente de maneira digital e remota.

A Serasa alerta os consumidores que redobrem a atenção para não cair em golpes e fraudes. Antes de fazer qualquer pagamento, certifique-se de que é de uma fonte confiável. E, caso tenha dúvidas se o boleto é verdadeiro, entre em contato com a empresa que receberá o pagamento.

Durante essa quarentena, cuide do seu crédito pessoal e fique atento às mudanças anunciadas pelos bancos e pelo governo. O Serasa Ensina está aqui para te ajudar a descomplicar a sua vida financeira. Fique de olho no nosso canal no YouTube e no nosso podcast.

As melhores ofertas de crédito pessoal!

COMPARE GRÁTIS

Consulte grátis seu CPF e seu SCORE Comece agora uma nova vida financeira.

Consultar agora