Entrar

Meu nome está sujo, mas não consta no Serasa. O que fazer?

Entenda porque seu nome está sujo, mas não consta do Serasa e aprenda como quitar as dívidas e manter uma boa reputação financeira.

colunista Fabiana Ramos
Publicado em: 29 de março de 2022.

O que fazer se meu nome está sujo, mas não consta no Serasa? Essa é uma dúvida que pode surgir quando se deseja colocar a saúde financeira em dia, sendo a quitação de dívidas o primeiro passo para isso.

Ter o nome sujo, ou negativado, significa que você tem uma dívida não paga que já passou da data de vencimento e, como consequência, seu nome é incluído nos órgãos de proteção ao crédito.

O Serasa recebe um grande volume de informações bancárias, mas não é o único órgão responsável por reunir essas informações no cadastro de negativados.

Meu nome está sujo, mas não consta no Serasa

No Serasa, constam dados de pessoas físicas e jurídicas que possuem dívidas em aberto junto às instituições financeiras.

Essas dívidas podem ser provenientes de cartões de crédito, cheque especial e/ou empréstimos. O Serasa também oferece o cálculo do score de crédito e um serviço gratuito para a negociação de dívidas online, o Serasa Limpa Nome.

O SCPC ou Boa Vista SCPC também é um banco de dados com informações gerais de dívidas e pagamentos dos consumidores, que permite a consulta ao score de crédito.

Já o SPC Brasil, considerado o maior e mais completo banco de dados da América Latina, é gerenciado pela CDL (Câmara de Dirigentes Lojistas) e está diretamente ligado ao comércio credenciado de todo o Brasil.

Por isso, se o seu nome está sujo, mas não consta no Serasa, é importante consultar também o banco de dados dos outros serviços de proteção ao crédito.

Meu nome está sujo. E agora?

Após consultar seu nome em outros órgãos de proteção ao crédito e confirmar que você está, de fato, negativado financeiramente, é importante saber o que fazer e quais são os próximos passos a serem tomados.

Por que é importante quitar as dívidas e limpar o nome?

Estar negativado traz limitações à vida do consumidor, como:

  • Não conseguir cartões de crédito;

  • Ser impedido de fazer empréstimos;

  • Não conseguir aprovação para fazer financiamentos (de carro, casa, entre outros);

  • Não conseguir alugar imóveis;

  • Ter o cheque especial bloqueado;

  • Ter dificuldade de fazer compras a prazo em lojas.

Todas essas implicações geram situações desagradáveis para o consumidor

Quero quitar minhas dívidas, o que faço?

Agora que você percebeu a importância de manter o nome limpo e uma reputação financeira positiva, confira o passo a passo do que fazer para quitar suas dívidas.

1. Saber o valor e urgência de cada dívida

Para isso, basta consultar seu nome e CPF nos bancos de dados dos órgãos protetores de crédito. Dessa forma, também é possível saber quem são os credores das dívidas, para seguir com tranquilidade para as próximas etapas.

2. Negociação das dívidas

Entrar em contato com o credor e negociar pode ser uma tarefa cansativa, afinal estamos falando de um assunto delicado.

Entretanto, é uma etapa indispensável, e neste processo é essencial mostrar que tem interesse em quitar a dívida, além de sanar suas dúvidas e negociar as condições de desconto, parcelamento e valor do boleto.

Para tornar esse processo ainda mais fácil, existem empresas, como a Serasa, que disponibilizam serviços gratuitos para facilitar as opções de negociação.

3. Analisar a proposta e fechar o acordo

Diante da negociação, análise com cautela o seu orçamento atual e só aceite propostas que caibam no seu planejamento financeiro, para não se endividar novamente.

4. Gerar e pagar o boleto:

Com o acordo definido, o último passo é gerar o boleto e efetuar o pagamento. Assim que o seu pagamento for reconhecido, seu nome fica limpo!

Agora que você conhece o caminho, saiba que tem como deixá-lo ainda mais rápido e fácil. A Serasa oferece serviços gratuitos para facilitar todo esse processo para o consumidor, reunindo todas essas etapas em um único espaço online.

Sem mais sufoco! Saiba como evitar dívidas

Após resolver o conflito e quitar suas dívidas, você não vai querer passar por toda essa dificuldade de novo! Estar com o nome limpo é sinônimo de uma vida mais harmoniosa, com tranquilidade financeira.

Para isso, torna-se necessário o acompanhamento e planejamento pessoal do seu dinheiro, para evitar que novas dívidas apareçam.

Veja algumas dicas:

Faça uma planilha de planejamento

Seja no papel ou no computador, é indispensável acompanhar o quanto você ganha e quais são os seus gastos essenciais, assim, você evita gastar mais do que ganha.

Anote esses dados e analise o que pode ser feito para melhorar sua relação com o dinheiro.

Não abuse do crédito

Tenha uma preferência às compras à vista e em dinheiro ou débito, dessa forma você evita o acúmulo de parcelas e juros, evitando ser pego de surpresa no final do mês.

Corte gastos

Comprar apenas o necessário não é simples, mas é umas das formas mais eficientes de economizar dinheiro. Reveja suas prioridades de gastos e corte tudo o que for desnecessário.

Tenha uma reserva de emergência

Guarde uma parte do seu dinheiro ao longo de um tempo para cobrir despesas em casos de imprevisto. Isso permite que você tenha segurança e proteção para situações urgentes, sem interferir no seu estilo de vida ou poder de compra.

Agora que você é um consumidor informado e quer quitar sua dívida e limpar o seu nome, o Serasa oferece um serviço fácil, gratuito e online. Veja como limpar o nome em 4 passos simples.