Entrar

Consigo consultar o FGTS pelo número do meu CPF?

Saiba que é possível consultar o extrato do seu FGTS através do site ou do aplicativo do programa, bastando para isso inserir o seu CPF

colunista Fabiana Ramos
Publicado em: 09 de março de 2022.

Para início de conversa… O que é FGTS? O Fundo de Garantia do Tempo de Serviço é um direito de todo trabalhador que tem vínculo empregatício, ou seja, todo trabalhador que esteja registrado no regime da CLT.

Seu principal objetivo ao ser criado foi conferir uma proteção financeira aos funcionários demitidos sem justa causa.

A cada mês trabalhado, o empregador é obrigado a depositar 8% do salário bruto do funcionário em uma conta de FGTS na Caixa Econômica Federal. Logo, ao fim de 12 meses, o trabalhador terá um salário completo depositado nesta conta, e que poderá ser usado em algumas situações, especialmente nos casos de demissão.

Se ele pedir o desligamento da empresa ou der causa à demissão, o valor fica retido até o próximo emprego. Na nova contratação, o valor começa a ser acumulado novamente.

Quando é possível o saque do FGTS?

Aqui estão as situações em que o saque do FGTS é possível:

  • Demissão sem justa causa;

  • Aposentadoria;

  • Compra de casa própria;

  • Fechamento da empresa empregadora;

  • Término do contrato de trabalho de um trabalhador temporário;

  • Rescisão de contrato por comum acordo entre empregador e trabalhador (neste caso, é possível sacar somente 80% do saldo da conta vinculada);

  • Falta de atividade remunerada para trabalhador avulso por 90 dias ou mais;

  • Ter idade igual ou superior a 70 anos;

  • Doenças graves (como Aids ou câncer) do trabalhador, esposa(o) ou filho, ou em caso de estágio terminal de qualquer doença.

Além disso, também existem duas outras modalidades para saque do FGTS anunciadas pelo governo em 2019: o saque imediato e o saque aniversário.

Saque imediato 2022

O Governo Federal criou algumas maneiras de antecipar o saque do FGTS, como o saque imediato e o saque aniversário.

Para 2022, após as enchentes ocorridas na Bahia e em Minas Gerais no final do ano passdo, o governo federal e a Caixa Econômica autorizaram o saque imediato (saque emergencial) de até R$ 6.220,00 das contas de FGTS dos trabalhadores que residem naquelas regiões.

O saque emergencial (ou saque calamidade) é permitido em situações de emergência ou estado de calamidade pública, como enchentes ou inundações, alagamentos, tempestades, desastre decorrente do rompimento de barragens, entre outros.

Os interessados devem acessar o aplicativo do FGTS (Android | IOS | Web) e seguir o passo a passo:

  • Ao acessar o APP FGTS, clique na opção “Meus Saques”; ​

  • Escolha a opção “Outras Situações de Saques”; ​

  • Selecione o motivo do Saque “Calamidade Pública”; ​

  • Selecione o munícipio de sua residência e clique em​ “Continuar”; ​

  • Escolha uma das opções para receber seu FGTS​:

  • Crédito em conta bancária de qualquer instituição; ou,

  • Sacar presencialmente.

  • Faça Upload dos documentos requeridos (foto de documento de identidade e comprovante de residência em nome do trabalhador);

  • Confira os documentos anexados e confirme; ​

  • A CAIXA irá analisar sua solicitação e caso esteja tudo certo, o valor será creditado em sua conta.

Saque aniversário 2022

No caso do saque aniversário, o trabalhador pode fazer uma retirada por ano de parte dos valores das suas contas de FGTS, de acordo com o mês em que nasceu.

Para isso, é necessário que o ele comunique à Caixa que quer receber os valores anualmente.

O saque aniversário do FGTS leva em consideração o saldo de todas as contas de FGTS e o pagamento segue a sua data de nascimento.

Tabela de valores do saque-aniversário do FGTS

Exemplos

• Se você tiver R$ 600 de saldo no FGTS, e aceitar o saque-aniversário, receberá 40% desse valor mais R$ 50. Ou seja R$ 240 + R$ 50. Um total de R$ 290.

• Se você tiver R$ 499 de saldo, receberá metade disso. Ou seja, R$ 249,50.

Se você ainda não acompanha o seu saldo, veja o passo a passo para consultar o FGTS pelo CPF. Assim, você terá certeza de que o seu valor é depositado corretamente todos os meses. Fique de olho também no Saque-Aniversário do seu Fundo de Garantia.

CUIDADO!

Ao aceitar essa opção, você terá direito à multa de 40% em caso de demissão sem justa causa. Mas não poderá retirar o saldo total da conta do FGTS!

Essa mudança não é obrigatória. Quem quiser aderir ao saque-aniversário e receber o pagamento no mesmo ano, precisará fazer a opção até o último dia do mês de aniversário. Ou seja, quem nasceu em 20 de março tem até 31 de março para optar pelo saque-aniversário e receber parte dos recursos da conta naquele mesmo ano.

Se você escolher o saque-aniversário, mas mudar de ideia, terá que esperar dois anos para receber o saldo restante total do FGTS. E também precisará fazer o pedido de mudança à Caixa.

Calendário do saque-aniversário

Fique de olho: o FGTS Aniversário já começou a ser liberado!

• Janeiro – 3 de janeiro a 31 de março
• Fevereiro – 1º de fevereiro a 29 de abril
• Março – 2 de março a 31 de maio
• Abril – 1º de abril a 30 de junho
• Maio – 2 de maio a 29 de julho
• Junho – 1º de junho a 31 de agosto
• Julho – 1º de julho a 30 de setembro
• Agosto – 1º de agosto a 31 de outubro
• Setembro – 1º de setembro a 30 de novembro
• Outubro – 3 de outubro a 30 de dezembro
• Novembro – 1º de novembro a 31 de janeiro de 2023
• Dezembro – 1º de dezembro a 28 de fevereiro de 2023

Como consultar o FGTS pelo CPF?

“OK, já sei do saque aniversário e do que é o FGTS, mas como posso consultar o meu???”

Fica tranquilo! O seu CPF pode te ajudar na consulta do saldo do FGTS. Isso porque ele é o caminho para você consultar o seu PIS, que é necessário para chegar o FGTS.

A Serasa fez um vídeo explicando o passo a passo para você ter acesso ao PIS e ao FGTS, confira.

1º: Consultar o PIS pelo portal Meu INSS

Nessa matéria, explicamos o passo a passo para você consultar o PIS pelo CPF no portal do INSS.

2º: Usar o PIS para acessar o FGTS

Você pode checar o extrato do FGTS pelo site da Caixa Econômica Federal ou pelo aplicativo do FGTS.

Pelo site

  1. Acesse o site do FGTS

  2. Informe o número do seu PIS que você consultou usando o CPF

  3. Clique em “Cadastrar senha”

  4. Leia o regulamento e clique em “Aceito”

  5. Preencha o cadastro com os seus dados pessoais. Você vai precisar do número do seu Título de Eleitor

  6. Crie uma senha com até 8 dígitos e confirme

  7. Você receberá uma notificação de cadastro realizado

Depois disso, você já pode consultar o FGTS e verificar o valor do seu extrato. É só preencher o campo do PIS, incluir a senha que você criou e clicar em OK.

Pelo aplicativo

  1. Baixe grátis o aplicativo FGTS

  2. Na tela inicial, clique em “Primeiro Acesso”

  3. Leia o contrato e clique em “Aceitar”

  4. Informe o número do seu NIS e clique em “Continuar”

  5. Preencha o formulário com seus dados pessoais e clique em “Próximo”

  6. Crie uma senha e aperte em “Cadastrar”

Pronto! Você já pode consultar o FGTS usando o aplicativo. Assim você consegue acessar seu saldo pelo celular sempre que quiser.

Outras formas de acompanhar o saldo do FGTS

A Caixa oferece o serviço gratuito de envio de mensagens do FGTS via SMS. Assim, você recebe todos os meses informações sobre os depósitos e o saldo atualizado do seu Fundo de Garantia. Você também é avisado quando algum valor for liberado para saque.

Se você não for nada tecnológico, pode receber o saldo do FGTS em casa por carta. Neste caso, você recebe o extrato do FGTS a cada 2 meses. Você precisa informar o seu endereço residencial em uma agência da Caixa ou se preferir, pelo 0800 726 01 01.

Agora que você já sabe como consultar o FGTS pelo CPF, veja como conferir se ele está sendo depositado corretamente.