Entrar

Lote imposto de renda 2021: tudo o que você precisa saber

Saiba como proceder quanto ao lote imposto de renda 2021 e veja quais são as datas de restituição para o caso de ter caído na malha fina.

colunista Veridiana Lopes
Publicado em: 28 de abril de 2022.

No dia 31 de janeiro de 2022, a Receita Federal iniciou pagamentos do lote imposto de renda 2021. Muitos contribuintes têm dúvidas de como funciona e quais são as datas de restituição.

No início do ano, a previsão era a de que mais de 240 mil contribuintes receberiam cerca de R$ 281 milhões, com prioridade para idosos e pessoas com deficiência, entre outros.

Por isso, para os que caíram na malha fina, é bom estar informado para resolver possíveis pendências.

Acompanhe a leitura para entender melhor o tema!

Quem tem direito à restituição do lote imposto de renda 2021?

Os que têm direito à restituição do IR são os contribuintes que fizeram a declaração e pagaram mais imposto do que realmente era devido.

No caso, a Receita Federal faz de modo automático o cálculo do imposto retido. Isso de acordo com os dados prestados pelo próprio contribuinte quando preencheu a Declaração de Ajuste Anual. Assim, é constatado se o contribuinte tem imposto a restituir ou a pagar.

Destaca-se que o cálculo leva em consideração as deduções legais indicadas pelo contribuinte, na declaração ou no desconto simplificado.

Assista | Erros mais comuns na declaração do imposto de renda

Quais são os critérios para restituição do lote imposto de renda 2021?

Os que têm prioridade são idosos com mais de 60 anos, professores do magistério e pessoas com deficiência. Ou seja, para este grupo de pessoas, o recebimento da restituição do IR retido na fonte é prioritário.

Além disso, os que declaram o IRPF com antecedência também têm a possibilidade de receber antes.

Como é o calendário de restituição

Preste atenção a este tópico para não perder datas importantes!

Em 2022, prevalece o calendário antecipado, a exemplo do que ocorreu no ano passado e em 2020, por causa da pandemia.

Ao todo, são 5 lotes. A liberação do primeiro será no dia 31 de maio.

Ainda, o segundo será no dia 30 de junho. O terceiro, no dia 29 de julho. O quarto, no dia 31 de agosto. E, por fim, o quinto, em 30 de setembro.

Logo, anote bem as datas para não perder a sua restituição do lote imposto de renda 2021!

É interessante lembrar que os valores têm a correção da taxa Selic.

Veja abaixo o calendário de restituições em 2021:

banner-teste

Como receber via Pix

O Pix facilita muito a vida dos consumidores, não é verdade?

E o recebimento via Pix é uma novidade de 2022. Neste ano, você poderá utilizar a sua chave com a opção de CPF para receber o valor da restituição.

Porém, se você preferir receber pelo método tradicional na conta corrente ou na poupança, não tem problema! Essa opção também continua válida.

Você já deve saber, mas importante lembrar: só é possível receber o valor na sua própria conta. Ou seja, não tem como receber em contas de outras pessoas, nem na própria conta-salário.

Como fazer a consulta do lote residual imposto de renda 2021

Precisa verificar a situação do seu IR? É possível fazer isso pelo próprio site da Receita Federal. Lá, você consegue verificar como está o processamento da declaração e consultar com antecedência em qual lote irá receber.

Na opção Consulta à Restituição, você pode informar o CPF, o dia do nascimento, o ano da declaração e o código verificador.

Outra alternativa é procurar o Centro Virtual de Atendimento ao Contribuinte (e-CAC), para conseguir o Extrato de Processamento da DIRPF.

Para reforçar, as consultas podem ser realizadas também por aplicativo iOS ou Android.

Cerca de 870 mil cidadãos estão na malha fina do IR 2021. A maioria dos casos é por motivo de omissão de rendimentos no ajuste anual.

Em segundo lugar, ocorre por dedução na base de cálculo, por exemplo, com despesas médicas.

Quando a Receita Federal encontra incongruências no IR, o cidadão pode fazer o envio de uma declaração retificadora.

Assim que o problema é resolvido, ele não fica mais na malha fina. Se tiver direito à restituição, ela estará disponível nos lotes residuais, ou seja, no lote imposto de renda 2021.

Como não cair na malha fina

1. Fique atento aos documentos

Essa parte é uma das mais importantes. O governo é bem rigoroso quanto à correção dos dados. Portanto, não negligencie essa fase.

Não se esqueça de reunir comprovantes, documentos pessoais, despesas dedutíveis e recibos.

Também é preciso ter em mãos os rendimentos do Imposto de Renda e dados sobre dependentes.

Ter todos os documentos organizados vai permitir que você faça a declaração da forma correta e será possível comprovar as informações.

2. Evite erros de digitação

Caso você apresente valores com erros à Receita Federal, poderá entrar na malha fina. Um simples erro de um dígito é suficiente para encontrar problemas.

Por isso, após o preenchimento das informações, separe um tempo para fazer a revisão dos dados e verificar se está tudo conforme o previsto.

3. Declarar rendimentos isentos

Mesmo que não incida tributos sobre rendimentos como herança, doações ou bolsa de estudos, é necessário declará-los.

4. Declaração de dependentes

Se você possui dependentes, é preciso declarar os rendimentos, ainda que não sejam maiores de idade.

Vale lembrar que, no caso de filhos de pais que se divorciaram, apenas um deles deve fazer a declaração.

5. Informar os valores exatos dos bens

Caso possua imóveis e veículos, o valor a ser declarado é o de aquisição e não o valor apresentado pelo mercado.

Ou seja, declare o valor exato que pagou pelos bens. Se optar pelo valor de mercado, isso trará distorções em relação ao patrimônio.

6. Informar saldo

Outro ponto importante é que o saldo bancário precisa estar correto. Caso tenha mais de uma conta bancária, precisa declarar cada uma.

O recomendado também é que você não deixe que outras pessoas façam a movimentação do dinheiro da sua conta.

7. Verifique o andamento da declaração

Após o envio e a conclusão da declaração digital, deve-se aguardar cerca de 48 horas para que a Receita cruze as informações.

Se houver divergências, você consegue acessar o andamento da declaração online para averiguar as pendências.

Além disso, existe um prazo para fazer a regularização. Fique atento!

Vimos neste artigo tudo o que você precisa saber caso caia na malha fina e como proceder para a restituição no lote imposto de renda 2021. Continue acompanhando o blog da Serasa para mais dicas sobre educação financeira!