Entrar

Tem como saber quem consultou meu CPF? Descubra

Será que tem como saber quem consultou meu CPF? Hoje vamos explicar por qual motivo existe este tipo de consulta e por que você deve ficar de olho nos seus dados.

Foto elaine ortiz
Publicado em: 23 de março de 2022.

Como saber quem consultou meu CPF? Você já se fez essa pergunta? E mais: por qual motivo o CPF, um documento pessoal, é verificado por outras pessoas além de mim? Se você quer saber essas respostas e entender a importância de monitorar os seus dados de perto, continue a leitura! Hoje, vamos falar tudo a respeito de verificação de CPF.

Como saber quem consultou meu CPF e por que consultam minhas informações?

Antes de descobrir como saber quem consultou seu CPF, é importante entender o que é e para que serve este documento.

O Cadastro de Pessoas Físicas (CPF) é um documento emitido pela Receita Federal que serve para identificar os contribuintes. É tão importante e necessário que desde 2015 passou a ser emitido gratuitamente diretamente na certidão de nascimento, no ato de registro do recém-nascido.

É um código de 11 números pessoal, intransferível e mutável somente por decisão judicial, que acompanha todo cidadão até o fim da sua vida. Por isso, o CPF é amplamente utilizado para praticamente tudo, todos os dias: abrir conta em banco, fazer matrícula em escolas e faculdades, solicitar crédito, fazer cadastro em lojas online, declarar Imposto de Renda, acessar benefício de aposentadoria. É um número que utilizamos mais que o próprio Registro Geral (RG).

Dessa forma, o nosso CPF carrega muita informação sobre a gente. E ele é consultado por empresas que querem e precisam saber a situação de nossa vida financeira por algum motivo (porque você solicitou um cartão de crédito ou empréstimo, porque fez uma compra parcelada, porque irá renovar um seguro, enfim, por várias razões).

Mas, essa consulta não é feita pelo site da Receita Federal. Por lá é possível apenas verificar a “Situação Cadastral do CPF”, uma verificação de CPF simples. Isto é, saber se o documento está regular ou irregular, sem fornecer dados sobre a situação econômica, financeira ou fiscal do titular do CPF. Para este tipo de informação, a busca acontece nos birôs de crédito como a Serasa.

Sabe quando a gente ouve alguém falar que está com o nome sujo ou com o CPF negativado? Isso quer dizer que essa pessoa está com dívidas em seu nome e por isso é alguém com problemas financeiros graves. As empresas consultam, portanto, o CPF de seus potenciais clientes justamente para entender qual é o comportamento deste consumidor, Em resumo: se ele é ou não é um bom pagador. E, inclusive, existe uma pontuação de crédito que “compila” o comportamento dos clientes, o score, pontuando-os em uma escala que vai de 0 a 1000.

Se o resultado da pesquisa da empresa for que o CPF está sujo, o score está ruim, a venda para este cliente pode não ser finalizada ou um empréstimo ou cartão de crédito pode não ser concedido. Ou, se for, é bem provável que será com juros muito mais altos do que os oferecidos para uma pessoa que esteja com o nome limpo, já que entende-se que o risco de inadimplência é muito maior.

É por este motivo que as informações de seu CPF são consultadas por terceiro sempre que necessário, não só por você mesmo. É para obter informações relevantes para realizar uma análise de crédito mais precisa.

O ponto é que quase nunca sabemos que fomos pesquisados. Mas, a boa notícia é que tem sim como saber quem consultou meu CPF.

Leia também | Por que você deve se preocupar com a proteção de dados?

Quem consultou meu CPF? Como descobrir?

É muito fácil e prático saber quem consultou seu CPF nos últimos tempos. No site da Serasa você consegue ter acesso a essa informação e a mais uma série de dados sobre seu CPF, como pendências, consultas, vazamentos na dark web, situação na Receita Federal, de forma gratuita!

Veja como é fácil e rápido consultar seu CPF na Serasa online:

  1. Acesse o site serasa.com.br

  2. Digite o número do CPF na tela inicial e clique em “Consultar Agora”

  3. Preencha o cadastro, caso seja o seu primeiro acesso

  4. São solicitadas informações como CPF, nome completo, data de nascimento, e-mail e uma senha. Ela deve ter no mínimo oito caracteres com números e letras em minúsculo e maiúsculo. Faça a verificação

  5. Você terá duas opções para verificação e para receber um código: e-mail ou SMS no celular. Escolha uma e confirme. Etapa final! Você receberá a confirmação por e-mail ou SMS.

  6. Digite o código recebido e clique em “Confirmar código”.

Pronto! Você terá na tela as informações referentes à consulta do seu CPF. Se estiver com alguma pendência, você pode usar as informações para regularizar sua situação o quanto antes.

Então, para descobrir quem consultou seu CPF, é só clicar na aba “Meu CPF” e acessar a opção “Consultas ao seu CPF” ou “Consultas aos seus CNPJs”. Depois, clique em “solicitar meu relatório”. Está feito! Em até 24 horas e de forma gratuita, você receberá em seu email cadastrado um relatório com todas as empresas que consultaram seu CPF nos últimos 24 meses. Não é o máximo?

Leia também | 8 passos para fazer uma consulta de CPF

Mas será que quem consultou meu CPF está tentando me fraudar?

Pode ser que sim, mas pode ser que não. Como explicamos anteriormente, existem vários motivos pelos quais algumas empresas efetuam consultas a seu CPF e de forma legal.

No geral, seu CPF pode ter sido consultado por empresas:

  • De concessão de crédito que desejam saber a situação de seu CPF;

  • Que estão vendendo produtos de forma parcelada ou com pagamento de cheques e querem conhecer seu histórico de pagamento;

  • Que veem você como um potencial cliente para determinados produtos ou serviços;

  • seguradoras que verificam sua situação financeira para o caso de você solicitar a renovação de seguro de casa, carro, vida etc.

Mas, claro, podem ocorrer situações em que a intenção da consulta é a prática de uma ação ilegal. Para isso, o Serasa Premium, serviço pago da Serasa que monitora seu CPF 24 horas por dia, 7 dias da semana, entra em ação e mantém seu CPF protegido, ajudando você a evitar as fraudes antes que elas aconteçam.  

Se depois que você receber seu relatório perceber que desconhece os motivos pelos quais aquelas empresas ou pessoas pesquisaram seu CPF, isso sim pode indicar uma situação de risco, uma tentativa de fraude. Fique atento, pois alguém pode estar utilizando seu CPF para obter serviços sem sua autorização.

Nesse caso, o mais indicado é entrar em contato com a empresa que consultou o CPF e solicitar informações sobre o motivo da consulta. Com uma simples busca na internet você encontra o telefone de contato, endereço e ramo da empresa.

Caso você necessite de orientações adicionais, pode entrar em contato com a Central de Atendimento da Serasa pelo telefone 3003-6300 ou falar com um especialista do Serasa Premium, pelo 3003-6300 (opção 1).

Vale lembrar que os detalhes sobre o motivo dessas consultas, ou mais informações sobre as empresas, são somente de conhecimento da própria empresa que efetuou as consultas. A Serasa apenas revela a você quem consultou seu CPF nos últimos 24 meses.

Leia também | Como se proteger de uma fraude de CPF?

É possível receber um “alerta CPF” cada vez que alguém pesquisar meus dados?

Sim, com o Serasa Premium é totalmente possível ser informado sempre que alguém consultar seus dados. Ao se tornar assinante do serviço, você passa a ser alertado por e-mail e SMS sempre que houver uma movimentação no seu CPF e CNPJ, como novas consultas, protestos e ações judiciais.

Além disso, você recebe um alerta também se houver vazamento de seus dados na Dark Web, com detalhes de onde ocorreu a exposição e dicas para resolver o problema. Fica sabendo em primeira mão quando seu score mudar, o que ajuda no controle da sua saúde financeira.

E mais: com o Serasa Premium você pode bloquear e desbloquear seu Serasa Score para consultas de terceiros. Isso pode ajudar a evitar que golpistas peçam crédito em seu nome. E ainda recebe relatórios com um resumo quinzenal sobre tudo o que aconteceu com seu CPF no período, com acesso total ao seu histórico de dados. Fora tudo isso, você também pode contar com um Consultor VIP para te atender sempre que você precisar de auxílio. Excelente, não?

Agora que “como saber quem consultou meu CPF” não é mais uma dúvida para você, aproveite para conhecer melhor o Serasa Premium, serviço da Serasa que ajuda você a evitar as fraudes antes que elas aconteçam. E continue acessando o blog da Serasa para ter acesso a outros conteúdos exclusivos sobre sua vida financeira.