Entrar

Empreendedorismo digital: conheça essa profissão em alta

Entenda o que é o empreendedorismo digital, quais habilidades você precisa desenvolver para trabalhar nessa área e como ingressar

colunista Fabiana Ramos
Publicado em: 27 de janeiro de 2022.

O mundo digital já deixou de ser futuro e virou realidade há muito tempo. Cada vez mais se vê anúncios com propagandas sobre propostas de trabalhar em casa e ganhar bem. Parece mentira, né? Mas é uma realidade e ela se chama empreendedorismo digital.

Entenda o que é o marketing digital tão falado nos últimos meses e veja algumas ideias que você pode desenvolver e colocar em prática hoje mesmo, de onde quer que esteja, desde que tenha um computador e acesso à internet.

O que é o empreendedorismo digital?

Essa nova modalidade de trabalho está em ascensão no Brasil e teve um “boom” durante a pandemia, já que as pessoas ficaram em casa e precisavam garantir o seu sustento. Para muitas pessoas, a solução foi migrar o trabalho para a internet, e, de dentro das próprias casas, atingir o público desejado.

Dos registros dos empreendedores digitais do Brasil, 54% deles haviam começado um negócio há menos de um ano, de acordo com o levantamento “Panorama de Negócios Digitais Brasil 2020”, da empresa HeroSpark. Ou seja, é uma atividade relativamente nova, já que foi criada com o surgimento da internet, e ainda tem muito potencial de expansão.

Empreendedorismo digital é uma forma de negócio que utiliza meios virtuais para comercializar serviços ou produtos, sem precisar de espaços físicos. Alguns exemplos são e-commerces (que vieram substituir as lojas presenciais), aplicativos, jogos, e-books, cursos online etc.

O empreendedorismo digital veio sanar uma das principais queixas dos profissionais do mercado de trabalho: a falta de flexibilidade. Além de proporcionar bons salários, o modelo de negócio digital pode proporcionar muito mais liberdade, já que o empreendedor consegue fazer seu próprio horário, de acordo com suas demandas e seu pico de produtividade. Sem dúvida, é uma alternativa interessante para aqueles que buscam conciliar melhor suas atividades pessoais e profissionais.

Habilidades necessárias para empreender na internet

O mercado digital é o mais democrático que existe. Nele, você não precisa de uma formação específica e pouco importa seu currículo. A sua maior capacidade deve ser solucionar poblemas e executar as suas tarefas com excelência.

É isso que fará o seu diferencial e te destacará da concorrência. Além disso, escrever corretamente, saber se vender e negociar são a base para qualquer tipo de empreendimento.

Para o empreendedor digital, as competências que mais contam são as softs skills, ou seja, as habilidades ou qualidades comportamentais que a pessoa possui na condução de suas atividades diárias e que estão relacionadas à maneira como ela lida com diferentes situações.

São competências que envolvem a personalidade e comportamento do profissional e envolvem aptidões mentais, emocionais e sociais. Alguns exemplos das softs skills que você precisa ter para trabalhar na internet são:

  • Comunicação: você vai precisar prospectar clientes e estar em contato frequente com eles;

  • Adaptação: o mundo digital muda e se atualiza a todo tempo;

  • Autogestão e organização: você se torna seu próprio chefe, então cabe a si mesmo gerir seu tempo e cumprir suas tarefas sem ninguém precisar cobrar, evitando as distrações (que são muitas) em casa para não perder o foco;

  • Aprender a aprender: você precisará se tornar autoditada, buscar conhecimento e ir atrás das informações que precisa;

  • Criatividade: pensar “fora da caixinha” para não fazer mais do mesmo e usar as fórmulas prontas que todos usam. Você precisa se diferenciar para se destacar;

  • Motivação e habilidade de trabalhar sob pressão: não é porque você trabalhará de casa que trabalhará pouco. O nível de exigência do mercado está cada vez mais alto e é necessário se esforçar (e muito) para estar no topo.

Investimentos iniciais

O investimento inicial para começar no digital é relativamente baixo. Existem inúmeras opções de cursos online que ensinam o necessário para você começar a vender seu trabalho, oferecer seus serviços e ganhar dinheiro na internet, com o valor muito inferior ao de uma faculdade, por exemplo, mas com muito mais rapidez.

Fora isso, há diversos livros que podem te ajudar a ampliar seu conhecimento, além de muito conteúdo gratuito no Instagram e no Youtube.

Você precisará abrir um CNPJ para a sua empresa, de forma gratuita, e pode começar como MEI (Microempreendedor individual), que á uma figura jurídica que trabalha por conta própria e se legaliza como pequeno empresário.

Ser MEI tem bastante vantagens, mas os impostos mais baixos são a principal. A DAS (Documento de Arrecadação do Simples Nacional), que á uma guia de pagamento do imposto do regime tributário Simples Nacional, custa cerca de 60 reais por mês.

Além dos impostos, existem muitas condições especiais exclusivas para o MEI, como, por exemplo, o crédito para microempreendedor. Você pode saber mais sobre ele clicando aqui.

Com o que posso trabalhar?

A internet é um mundo de possibilidades. Qualquer serviço ou produto que facilite a vida de uma pessoa é uma oportunidade de negócio. Você pode começar acessando alguns sites de freelance, onde você poderá receber para gravar depoimentos, por exemplo.

Veja alguns exemplos de empreendimentos digitais:

  • E-commerces: são lojas que vendem com o auxílio da internet. Basicamente tudo o que se vende nas lojas físicas também pode ser vendido digitalmente.

  • Redação para blogs e sites: você pode trabalhar produzindo conteúdo para diferentes canais.

  • Infoprodutos: são produtos digitais, como cursos, aulas onlines, vídeos, e-books, consultorias ou mentoria que geram conhecimento. Se você conhece muito sobre um assunto, pode monetizar esse conhecimento passando-o para outras pessoas.

  • Marketing digital: um ramo muito vasto, o marketing digital é basicamente usar as ferramentas do marketing para o meio digital. Criação de estratégias, comunicação, escrita persuasiva, gestão de tráfego (sabe os anúncios que aparecem no início dos vídeos? O gestor de tráfego é o responsável por colocar o vídeo que possa ser do seu interesse no local que você possa assistir), design gráfico etc.

Enfim, a internet possibilita monetizar qualquer conhecimento que você tenha: seja seu poder de venda, de negociação, de desenho, de edição de vídeo e muito mais. Use a sua criatividade e comece a oferecer seus serviços por lá!

Leia também | Como ganhar dinheiro em casa? 8 ideias para ter renda extra