Entrar

Saiba como fazer 2ª via da Carteira de Trabalho

A Carteira de Trabalho é o documento onde consta o histórico de empregos, a data de admissão, o salário, entre outros dados do trabalhador

colunista Fabiana Ramos
Publicado em: 09 de março de 2022.

A Carteira de Trabalho é um dos documentos mais relevantes da vida de um trabalhador pois acompanha toda a sua trajetória profissional. Além de registrar todos os lugares em que ele trabalhou, ela guarda informações fundamentais sobre a sua vida laboral.

Ela informa a data de admissão, o tempo do vínculo empregatício, os salários recebidos ao longo da carreira, os pagamentos de seguro-desemprego e do PIS, as férias e a data de saída do emprego. Com esse registro de atividades, o trabalhador fica resguardado no que diz respeito aos seus direitos trabalhistas:

  • Seguro-desemprego;

  • Aposentadoria;

  • FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço);

Caso haja perda ou roubo da CPTS (Carteira de Trabalho e Previdência Social), é necessário fazer um boletim de ocorrência para evitar fraudes com os dados ali apresentados.

2ª via da Carteira de Trabalho

Com o avanço da tecnologia nos dias de hoje, requerer a 2ª via da CPTS é muito simples. Desde setembro de 2019 não existe mais a necessidade da Carteira de Trabalho em meio físico, tendo sido substituída pela Carteria de Trabalho Digital.

Para solicitá-la, basta baixar o aplicativo da Carteira de Trabalho Digital ( Android | IOS ) ou acessar por meio da Web, clicar em “obter” e depois em “solicitar”.

Após isso, o trabalhador deverá realizar a identificação e autenticação na plataforma do Governo Federal e fazer a solicitação. Caso não possua uma conta autenticada no gov.br, é necessário criá-la.

Já os trabalhadores contratados por órgãos públicos e organismos internacionais devem continuar utilizando a Carteira de Trabalho em papel. Para isso, eles devem encaminhar o pedido de agendamento por e-mail, de acordo com o estado onde reside.

E-mail: trabalho.(uf)@economia.gov.br

Trocar a designação uf pela sigla do estado de residência. Em São Paulo, por exemplo, o e-mail é trabalho.sp@economia.gov.br.

Passo a passo para a solicitação

Para obter a Carteira de Trabalho Digital, você vai precisar:
  • Do número do CPF

  • Criar uma conta autenticada no gov.br

Para aqueles trabalhadores que não podem ter a Carteira de Trabalho Digital

Documentos necessário para solicitação da 2ª via
  • CPF;

  • Documento oficial de identificação com foto, nome, data, município e estado de nascimento, filiação, número, órgão e data de emissão;

  • Comprovante de residência com CEP;

  • Comprovante do estado civil: Certidão de Nascimento (se solteiro) ou Casamento (se casado), com averbação (se separado, divorciado ou viúvo)

  • Foto 3×4 colorida, recente e com fundo branco (apenas para as localidades no estado de São Paulo que ainda emitem a CTPS do modelo manual.

Para estrangeiros:

Apresentar também:
  • Carteira de Registro Nacional Migratório – CRNM (antiga CIE) ou Protocolo da Polícia Federal;

  • Diário Oficial da União – em caso de autorização de residência concedida pelo Ministério da Justiça. Documento que comprove o número da Carteira de Trabalho anterior;

O Portal GovBr elaborou um passo a passo em vídeo sobre como acessar a carteira de trabalho digital. Você pode conferir.

Você encontra aqui uma página com os esclarecimentos para as principais perguntas sobre Carteira de Trabalho.