Entrar

Vítima de fraude bancária: boletim de ocorrência pode ajudar?

Por Lise Brenol

Ao ser vítima de fraude bancária, é importante abrir um boletim de ocorrência imediatamente.

Se você entrou para a estatística e se tornou uma vítima de fraude bancária, precisará registrar um boletim de ocorrência.

Segundo um levantamento da Federação Brasileira de Bancos (Febraban) junto a instituições bancárias, os ataques de phishing, pescaria de dados pessoais e financeiros na Internet, praticamente dobraram no primeiro ano da pandemia em relação ao ano anterior. Já os golpes da falsa central telefônica e falso funcionário de banco tiveram crescimento três vezes maior.

Portanto, você não é exceção. Ser vítima de fraude bancária provoca uma sensação de impotência porque é bastante difícil responsabilizar os criminosos. Por isso, é preciso registrar um boletim de ocorrência.

Por que é importante fazer um boletim de ocorrência?

O boletim de ocorrência é o documento por meio do qual a polícia vai abrir uma investigação sobre o crime. As fraudes bancárias são encaminhadas para as delegacias de crimes virtuais, onde estão os especialistas em investigação digital. É importante para o poder público avançar no combate a este tipo de crime e é fundamental para você exigir os seus direitos. É com o documento registrado que você vai entrar em contato com a instituição bancária ou a administradora do cartão de crédito e comunicar a fraude.

No Brasil, o registro das ocorrências é feito nas delegacias regionais da Polícia Civil. Muitos Estados brasileiros disponibilizam um site para preenchimento do boletim de ocorrência online. A maior parte prevê o registro deste tipo de crime como estelionato, ou seja, o crime de induzir alguém ao engano para obter algum tipo de vantagem ilegal ou ganhos financeiros.

O delegado André Lobo Anicet, da delegacia de repressão a crimes informáticos e defraudações no Rio Grande do Sul, orienta as pessoas que forem vítimas a registrar a ocorrência mesmo se o valor roubado for baixo.

Anicet explica que a primeira ação deve ser levantar o máximo de registros possíveis, como o número do telefone utilizado, e-mail, prints de interações e outras provas do fato. Depois, a pessoa pode registrar em ata notarial num cartório para anexar no boletim de ocorrência presencial ou anexar no registro na delegacia virtual. “Para o registro de ocorrência é necessário que a vítima se identifique, porque estelionato não pode ser investigado se não houver a vontade da vítima” diz o delegado.

O boletim de ocorrência é importante para a polícia poder identificar os responsáveis e combater a ação. Além disso, ele ajuda o poder público a conhecer as estatísticas deste tipo de crime e direcionar esforços de investigação.

Há casos em que a polícia localiza os criminosos e os “descapitaliza”, ou seja, consegue confiscar os bens materiais ou financeiros e ressarce a vítima. Mas, geralmente, fora o golpe do cartão clonado, no qual o banco é responsabilizado, o ressarcimento é raro.

Neste tipo de crime, dificilmente os valores roubados são recuperados porque, mesmo sem intenção, as próprias vítimas acabam induzidas a passar o dinheiro para os criminosos. Por isso, é fundamental monitorar o uso do seu CPF, para identificar o vazamento e uso indevido dos seus dados imediatamente.

Como registrar um boletim de ocorrência?

O registro do boletim de ocorrência pode ser feito online e está disponível nos sites do governo de cada um dos 26 Estados brasileiros e no Distrito Federal. Lá você terá acesso aos links para o registro do boletim de ocorrência no Brasil.

Quer evitar fraudes e problemas futuros? Conheça o Serasa Premium

Com ele, você será alertado por e-mail e SMS sempre que houver uma movimentação no seu CPF e CNPJ como: novas consultas, protestos, ações judiciais, vazamento de dados na Dark Web e mudança em seu score e muito mais:

Função Lock&Unlock: bloqueie e desbloqueie seu Serasa Score para consultas de terceiros. Isso pode ajudar você a evitar que golpistas peçam crédito em seu nome.

Relatórios: receba um resumo quinzenal e tenha acesso total ao seu histórico de dados.

Consultor VIP:
atendimento exclusivo sempre que precisar de ajuda.