Entrar

Auxílio Brasil: valor e como receber, veja as novidades!

Entenda tudo sobre o Auxílio Brasil: valor e quais os critérios de pagamento para a população de baixa renda!

Foto Veridiana
Publicado em: 31 de março de 2022

Em breve, o Governo Federal retomará o pagamento do Auxílio Brasil, programa de transferência de renda que substituiu o Bolsa Família no ano de 2022.

Veja qual será o valor do Auxílio Brasil e como será feito o pagamento do benefício que ajuda mais de 18 milhões de famílias brasileiras.

Auxílio Brasil: valor do benefício em 2022

Lembra do famoso Bolsa Família e do Auxílio Emergencial? Então, ambos foram programas de transferência de renda, sendo o Auxílio Emergencial, uma medida do Governo para diminuir o impacto econômico-social da pandemia no país. Já o Bolsa Família foi oferecido especialmente para pessoas de baixa renda e o seu principal objetivo foi contribuir para o combate à pobreza e à desigualdade no Brasil.

O Auxílio Brasil é uma nova ramificação dos dois programas, o Bolsa Família e o Auxílio Emergencial, que foram unificados em um novo formato de programa social, sendo direcionado a famílias em situação de extrema pobreza.
Entenda mais sobre isso aqui.

Auxílio Brasil vs. Auxílio emergencial

Segundo o site oficial do Governo Federal, em fevereiro de 2022, o investimento no programa de transferência de renda ultrapassou R$ 7,3 bilhões de reais. Certo, mas, qual é o valor do Auxílio Brasil?
Os valores dos programas sociais do governo são:

● Auxílio Brasil — até R$ 400,00;
● Bolsa Família — até R$ 224,00;
● Auxílio Emergencial — até 600,00.

Concedido somente às famílias em extrema pobreza, o valor do Auxílio Brasil chega a 400,00 fixo. Já as parcelas variáveis estão no valor de R$ 49. O Benefício Variável Vinculado ao Adolescente é de R$ 57.

O Bolsa Família, depois de três anos sem reajuste, no seu último ano ativo aumentou em quase 20% seu valor, passando a ser um benefício médio de até R$ 224,00 mensais.

Em 2020, o valor da parcela do Auxílio Emergencial era R$ 600,00 e depois de um tempo esse valor foi reajustado para R$ 400,00 como um valor fixo.

Qual valor do Auxílio Brasil?

Dentro do auxílio Brasil, os seguintes valores podem ser encontrados:

Primeira Infância

Para famílias com crianças de zero a 36 meses, será pago mensalmente, no valor de R$ 130,00, por integrante com o limite de cinco pessoas.

Composição Familiar:

Para famílias com gestantes ou pessoas de três a 21 anos, será pago mensalmente, no valor de R$ 65,00, por integrante com o limite de cinco pessoas.

Superação da Extrema Pobreza

Para famílias cuja renda familiar por pessoa, calculada após o acréscimo dos benefícios Primeira Infância e Composição Familiar, for igual ou inferior ao valor da linha de extrema pobreza (R$ 100).

Bolsa de Iniciação científica

Liberado para estudantes, integrantes de famílias beneficiárias do Auxílio Brasil que tenham se destacado em competições acadêmicas e científicas de abrangência nacional.

Sendo os valores de 12 parcelas mensais de R$ 100,00 para o estudante ou parcela única de R$ 1.000,00 por família.

Esporte escolar

Concedido aos estudantes de 12 a 17 anos incompletos, integrantes de famílias beneficiárias do programa que se destaquem nos Jogos Escolares Brasileiros.

Sendo os valores de 12 parcelas mensais de R$ 100,00 para o estudante ou parcela única de R$ 1.000,00 por família.

Inclusão produtiva rural

Pago em parcelas mensais de R$ 200,00 às famílias atendidas pelo programa que possuam em sua composição agricultores familiares.

Inclusão produtiva urbana

Consta um valor de R$ 200,00 por mês pago a beneficiários do programa que comprovarem vínculo de emprego com carteira assinada. Isso com o recebimento limitado a um auxílio por família ou por pessoa.

E ainda existe o valor pago através do benefício de emancipação, uma vertente do Auxílio Brasil:

“Pelas regras do Auxílio Brasil, as famílias que tiverem aumento da renda mensal acima do valor estipulado para o perfil do programa, de R$ 210,00 por pessoa, e que apresentem em sua composição crianças, jovens de até 21 anos ou gestantes, e este aumento não ultrapassar o valor de R$ 525 por pessoa, poderão permanecer no programa por até 24 meses, sem que o benefício seja cancelado em razão desse aumento.”.

Logo, se a sua renda aumentar, o benefício não é simplesmente cancelado, podendo se manter ativo por até 2 anos para você conseguir se reajustar!

O que é o Auxílio Brasil?

Lembra do famoso Bolsa Família e do Auxílio Emergencial? Então, ambos foram programas de transferência de renda, sendo o Auxílio Emergencial uma medida do Governo para diminuir o impacto econômico-social da pandemia no país.

Já o Bolsa Família foi oferecido especialmente para pessoas de baixa renda e o seu principal objetivo foi contribuir para o combate à pobreza e à desigualdade no Brasil.

O Auxílio Brasil é uma nova ramificação dos dois programas, o Bolsa Família e o Auxílio Emergencial, que foram unificados em um novo formato de programa social, sendo direcionado a famílias em situação de extrema pobreza.

Auxílio Brasil vs. Auxílio emergencial

Se você já teve acesso a algum programa de transferência de renda como o Auxílio Emergencial ou o Bolsa Família, deve estar se perguntando qual é a diferença entre os programas.

O grande objetivo do Auxílio Brasil é “integrar em um só programa várias políticas públicas de assistência social, saúde, educação, emprego e renda, com um público-alvo que é composto por gestantes ou pessoas com idade até 21 anos incompletos”.

Por isso, ele precisa estar em um valor que realmente ajude a suprir as necessidades básicas de quem o recebe!

De acordo com o Ministério da Cidadania, o auxílio é uma forma de aprimorar a vida de pessoas de baixa renda e garantir equidade de renda mínima para pessoas em situações de vulnerabilidade.

“Auxílio Brasil aprimora a política de transferência de renda do Governo Federal, integrando benefícios de assistência social, saúde, educação e emprego. Ao mesmo tempo em que garante uma renda básica às famílias em situação de vulnerabilidade, oferece ferramentas para a emancipação socioeconômica”.

Descubra mais sobre o Auxílio Brasil!

Como receber o Auxílio Brasil?

Para receber o valor do Auxilio Brasil é preciso ter uma conta ativa, onde os benefícios poderão ser pagos de forma recorrente por meio das contas de Poupança Social Digital, Conta Corrente de Depósito à vista, Conta Especial de Depósito à vista e Conta Contábil.

Conforme o pronunciamento do Governo, o crédito dos benefícios financeiros será realizado na conta contábil apenas quando o beneficiário não possuir nenhuma das outras modalidades de contas bancárias.

E no caso de, mesmo possuindo, optar por receber o crédito por meio da conta contábil ou quando o crédito não for realizado por impedimentos técnicos, operacionais ou normativos, como bloqueio, suspensão inativação ou encerramento das contas.

Os pagamentos seguem o calendário habitual do programa e segundo o Número de Identificação Social (NIS). As próximas transferências do benefício acontecerão do dia 14 ao dia 29 de abril.

Caso tenha gostado desse artigo, não deixe de compartilhar com outras pessoas que desejam saber mais sobre o valor do Auxílio Brasil em 2022.