Entrar

Lucro do FGTS já tem data de pagamento aos trabalhadores em 2022

O lucro do FGTS 2022 já está liberado para pagamento. Saiba quais são as datas e como efetuar o saque dessa quantia

colunista Fabiana Ramos
Publicado em: 29 de Março de 2022.

Todos os anos, a Caixa Econômica Federal faz o cálculo e a divisão do lucro do FGTS entre os beneficiados. Ou seja, aquelas pessoas com conta FGTS, ativa ou inativa, que possuam saldo superior a R$ 0,01 no último dia do ano base do calendário.

O lucro do FGTS, por sua vez, corresponde ao pagamento de juros que o governo paga pela utilização dos valores depositados em contas do FGTS para financiamento de obras públicas, como obras de infraestrutura, saneamento básico e construções populares. Em 2022, o Governo Federal já anunciou as datas de pagamento desse montante.

Então, para não perder os prazos e esclarecer todas as dúvidas sobre o assunto, preparamos um artigo completo sobre o tema. Continue sua leitura e veja agora quem pode receber e quais são as datas de pagamento do lucro do FGTS. Confira!

Quem vai receber o lucro do FGTS em 2022?

As pessoas que têm direito a receber essa divisão de lucros em 2022 são aquelas que já trabalharam com carteira assinada e tinham saldo nas contas de FGTS em 31 de dezembro de 2021.

Leia também | Consigo consultar o FGTS pelo número do meu CPF?

Cálculo do valor a receber

O valor do lucro não é fixo e varia conforme o saldo disponível na conta do FGTS.

O dinheiro do FGTS já tem uma correção garantida de 3% ao ano e agora passa também a receber a distribuição do lucro. Em 2021, o repasse total foi de 4,9%, sendo 3% de correção e 1,9% resultado dos lucros.

No ano passado, a arrecadação foi de R$ 8.468 bilhões e cerca de R$ 8.129 bilhões foram depositados em contas, o que equivale a 96% dos rendimentos do fundo.

Como funcionam os repasses do lucro do FGTS?

A primeira divisão de lucro do FGTS foi feita no ano de 2017, que teve como base o ano de 2016. Nesta época, ficou decidido que os beneficiários receberiam 50% dos lucros obtidos, mas hoje o Conselho Curador do FGTS é o órgão responsável pela avaliação e definição do percentual exato a ser direcionado aos beneficiários.

O crédito é feito na conta de cada trabalhador de forma automática, sem a necessidade de nenhuma solicitação e vem especificado como “Cred.Dist.resultado ano-base 12/2021”.

Leia também | Golpe do FGTS: o que é e como se proteger

Datas de pagamento do lucro do FGTS em 2022

A Lei nº 13.446 é a responsável por reger o FGTS e foi sancionada no ano de 2017. Nela está determinado o prazo máximo para que seja realizado o depósito do lucro FGTS aos respectivos beneficiários.

Segundo esta lei, o lucro do FGTS deve ser pago até o dia 31 do mês de agosto do ano seguinte à correção. Desse modo, o valor sempre será pago no mês de agosto do ano posterior à arrecadação, entre os dias 1 e 31 de agosto.

Mas é importante destacar que para fazer o saque do FGTS é preciso obedecer a algumas regras específicas.

Quando posso sacar o FGTS?

Apesar do saque das contas do FGTS ser simples, as possibilidades são bem restritas, pois os saques estão condicionados a alguns critérios. Vamos listar alguns deles:
  1. Demissão sem justa causa, determinada pelo empregador

  2. Término do contrato por prazo determinado

  3. Rescisão por falência, falecimento do empregador individual, empregador doméstico ou nulidade do contrato de trabalho

  4. Rescisão do contrato por culpa recíproca do trabalhador e do empregador, ou força maior

  5. Aposentadoria do trabalhador

  6. Necessidade pessoal, urgente e grave, decorrente de desastre natural causado por chuvas ou inundações que tenham atingido a área de residência do trabalhador, quando a situação de emergência ou o estado de calamidade pública for assim reconhecido, por meio de portaria do Governo Federal (como nos casos autorizados de saques emergenciais)

  7. Suspensão do Trabalho Avulso

  8. Falecimento do trabalhador

  9. Idade igual ou superior a 70 anos

  10. Portador de HIV – SIDA/AIDS (trabalhador ou dependente)

  11. Neoplasia maligna (trabalhador ou dependente)

  12. Estágio terminal em decorrência de doença grave (trabalhador ou dependente)

  13. Permanência do trabalhador titular da conta vinculada por três anos ininterruptos fora do regime do FGTS, com afastamento a partir de 14/07/1990

  14. Permanência da conta vinculada por três anos ininterruptos sem crédito de depósitos, cujo afastamento do trabalhador tenha ocorrido até 13/07/1990, inclusive

  15. Aquisição de casa própria, liquidação ou amortização de dívida ou pagamento de parte das prestações de financiamento habitacional

  16. Opção pelo saque-aniversário

Como sacar o lucro do FGTS em 2022?

Antes mesmo de entender como fazer o saque do FGTS é preciso primeiro fazer a consulta do saldo que você tem disponível em seu Fundo de Garantia por Tempo de Serviço. E é possível verificar se existe algum valor para realizar o saque sem ter que se dirigir a uma agência da Caixa.

Para consultar o extrato basta acessar o site da Caixa Econômica Federal ou ligar para o número 0800 726 0207. Tenha em mãos o número do PIS/PASEP e a senha do Cartão Cidadão (caso você tenha o cartão). Você pode também fazer a consulta online pelo portal do FGTS.

Hoje já é possível até mesmo fazer o saque digital dos recursos depositados em uma conta do FGTS.

Abaixo vamos destacar os passos para que você realize este procedimento, que é bem simples. Veja:

  1. Baixe o aplicativo do FGTS no seu celular. O aplicativo está disponível para dispositivos Android ou então IOS;

  2. Se você não possui um login de acesso, clique em “Cadastre-se” e preencha os dados solicitados, como nome completo, data de nascimento, CPF, telefone, e-mail e senha;

  3. Ao criar a sua conta, é preciso realizar o login. Para isso, você usará seu CPF e senha de cadastro;

  4. Em seguida, irão aparecer seus dados e confirmação de termos de uso. Estando de acordo com os termos, selecione a opção “Aceito” e depois em “Continuar”;

  5. Depois que fizer isto, procure pela área de saques;

  6. Então, clique no botão “Cadastrar conta bancária”;

  7. Em seguida, descreva corretamente seus dados bancários, com muita atenção;

  8. Por fim, depois de preencher seus dados, basta clicar em “Confirmar”.

Viu como é simples? Agora que você entende como funciona a distribuição de lucro do FGTS, baixe o app, verifique o seu saldo e veja se você se encaixa em um dos critérios para poder realizar o saque.

Tem dinheiro parado no FGTS? Você pode usá-lo!

Além do lucro FGTS, outra possibilidade se você quer utilizar o Fundo de Garantia para ter um dinheirinho extra é o empréstimo com antecipação do FGTS. Nessa modalidade, você pode antecipar parte do saldo do FGTS liberado pelo governo no mês do seu aniversário — o famoso Saque-Aniversário — e usá-lo como quiser.

Tradicionalmente, o dinheiro do Fundo de Garantia apenas era liberado em algumas situações, como demissão sem justa causa, doenças graves como Aids ou Câncer, ou na hora de comprar ou financiar um imóvel. Hoje existem outras possibilidades, como o Saque-Aniversário, que segue um calendário oficial, ou pela modalidade de empréstimo com antecipação do FGTS.

Assista | FGTS: quem tem direito e como pegar empréstimo? - Serasa Ensina

Pelo Serasa eCred em parceria com o Banco Pan, é possível antecipar 7 anos do valor disponibilizado no seu FGTS, com juros de 1,69% e sem ter que pagar parcelas mensais, porque o valor já é descontado do FGTS. Tudo isso contando com toda a segurança que a Serasa oferece, em um processo 100% on-line.

Se interessou? Antecipe seu FGTS!