Empréstimo FGTS Pan: saiba tudo sobre a nova modalidade

Com o empréstimo FGTS Pan, o trabalhador pode antecipar parcelas do saldo de suas contas vinculadas ao Fundo de Garantia por Tempo de Serviço

Celular logado na página do pan com um malote de dinheiro atrás para ilustrar o artigo sobre empréstimo FGTS pan e tudo sobre a nova modalidade

colunista Fabiana Ramos
Publicado em: 26 de abril de 2022.

Com o surgimento do Saque-Aniversário, o trabalhador que tem ou já teve registro em sua carteira de trabalho passou a ter direito a retirar, uma vez ao ano, parte do saldo de sua conta de FGTS. E com o empréstimo FGTS Pan, é possível antecipar as parcelas sem precisar aguardar o mês de aniversário para resgatar.

A opção pela modalidade Saque-Aniversário não é obrigatória, mas somente por meio dela haverá possibilidade de resgate antecipado das parcelas.

Acompanhe esse artigo até o fim e fique por dentro de todos os detalhes oferecidos pelo Banco Pan.

Assista | Saque Emergencial FGTS 2022

Precisando de dinheiro?

Antecipe o seu FGTS com o eCred e o Banco Pan!
Antecipar FGTS

Empréstimo FGTS Pan: quais são as condições?

O empréstimo FGTS Pan permite ao trabalhador antecipar até sete parcelas do seu Saque-Aniversário, desde que o saldo em sua conta no FGTS seja superior a R$ 400.

Para que haja essa possibilidade, o trabalhador precisa aderir ao Saque-Aniversário no App FGTS ou no site FGTS Caixa e autorizar o Banco Pan a consultar as informações constantes da sua conta de FGTS.

A contratação da antecipação das parcelas é feita de forma 100% digital, podendo se dar pelo APP Pan, pelo site do banco e até mesmo pelo WhatsApp.

Aliás, neste exato momento, o Banco Pan está oferecendo um cashback de até R$ 400 pelas antecipações solicitadas pelo APP Pan (oferta por tempo limitado).

Quem pode solicitar esse empréstimo?

Todos os clientes com conta digital no Banco Pan podem antecipar as parcelas do Saque-Aniversário, desde que:
  • Tenham mais de 18 anos;

  • Tenham saldo no FGTS de, no mínimo, R$ 400;

  • Tenham feito a opção pelo Saque-Aniversário;

  • Tenham autorizado o Banco Pan a consultar as informações do seu FGTS.

Quais são as vantagens da antecipação?

O empréstimo FGTS Pan permite ao trabalhador a antecipação de até sete anos de parcelas do seu Saque-Aniversário, sem a necessidade de esperar o mês de aniversário de cada ano para poder resgatar o valor. O recebimento de todo dinheiro é imediato e o processo de contratação é todo feito de forma online, sem nenhuma burocracia.

Possui baixa taxa de juros

Além disso, como se trata de um empréstimo, sempre haverá a cobrança de juros, porém, como a instituição que está emprestando o dinheiro tem a garantia de que esse valor será devolvido, uma vez que o saldo da conta de FGTS do trabalhador fica bloqueado, os juros são mais baixos do que as demais linhas de crédito ofertadas no mercado.

O Banco Pan tem uma das melhores taxas de juros (a partir de 1,69% ao mês).

Não tem pagamentos mensais

E mais: é um empréstimo que não onera o orçamento do trabalhador, uma vez que não há pagamentos mensais de parcelas debitados de sua conta corrente. O pagamento é feito uma vez ao ano, no primeiro dia útil do mês de aniversário do trabalhador, por meio do repasse automático da parcela do Saque-Aniversário feita pela Caixa Econômica, que é a gestora do FGTS, ao banco que antecipou o dinheiro.

Não há necessidade de comprovação de renda

Não possui restrição de crédito, não precisa comprovar renda ou justificar o uso do dinheiro.

Acessível a negativados

Uma outra vantagem do empréstimo FGTS Pan é que ele também é acessível àquelas pessoas que possuem seu nome inscrito nos órgãos de proteção ao crédito, ou seja, aquelas que estão negativadas.

Como é feito o processo de contratação?

Para poder antecipar o valor das parcelas, é necessário que o trabalhador opte pelo Saque-Aniversário e autorize o Banco Pan a consultar suas informações do FGTS.

Depois disso, pelo App Pan ou pelo site do banco:

• Ir no menu “Empréstimos”
• Clicar sobre “Empréstimo FGTS”

A contratação também pode ser solicitada pelo WhatsApp.

Quais bancos estão fazendo empréstimo com antecipação do FGTS?

A possibilidade de antecipar parcelas do Saque-Aniversário começou com a Caixa Econômica Federal, sendo adotada posteriormente pelo Banco do Brasil, apesar de todas os bancos e demais instituições financeiras terem sido autorizadas a fazer o empréstimo com antecipação do FGTS.

Hoje em dia, várias são as empresas que autorizam a antecipação, e aqui citarei algumas delas:

  • Banco do Brasil;

  • Caixa Econômica Federal;

  • Santander;

  • BMG;

  • Banco Inter;

  • Banco PAN;

  • C6 Consignado;

  • Itaú;

  • Banco Daycoval;

  • Sicredi;

  • Banco Mercantil do Brasil;

Essa lista não é exaustiva, pois, como foi dito, existem outras instituições financeiras que também antecipam as parcelas do Saque-Aniversário.

A exigência é que o trabalhador autorize a instituição que ele escolher a fazer a consulta das informações constantes na sua conta de FGTS.

Qual a melhor instituição para antecipar o Saque-Aniversário?

Como as regras e condições mudam com frequência (taxas de juros, promoções, cashbacks, etc), o ideal é que, no momento da decisão pela antecipação, o trabalhador faça várias pesquisas e simulações nas mais variadas empresas e compare vantagens e desvantagens de cada uma.

Inclusive, no eCred em parceria com o Banco Pan, você pode antecipar até sete saques do FGTS, com juros bastante atrativos: a taxa é de apenas 1,69%. Quem está negativado também pode solicitar, e o dinheiro cai na conta super-rápido. A contratação é 100% on-line, sem burocracia e conta com toda a segurança da Serasa.

E, por último, uma vez feita a opção pelo empréstimo, que o trabalhador possa usar esse dinheiro com inteligência, dando preferência à organização de sua vida financeira e à quitação de dívidas, se houver.

Vale lembrar que, a depender da quantidade de parcelas antecipadas, o trabalhador ficará alguns anos sem receber o Saque-Aniversário, além de não ser possível movimentar o dinheiro do fundo de garantia que foi depositado em conta enquanto não houver a liquidação total da dívida.