Entrar

11 dicas para gastar menos e poupar mais!

Descubra como gastar menos com dicas práticas e simples para o seu dia a dia para ficar com as finanças em dia!

colunista Veridiana Lopes
Publicado em: 27 de março de 2022.

Aprender como gastar menos parece desafiador, pois a história se repete a cada mês: contas a pagar, cartão vencendo, boletos chegando… e o desespero ao ver que sobrará pouco ou nada para passar o mês! Mas, calma, você pode melhorar sua situação!

11 dicas de como gastar menos dinheiro

Se você tem o hábito de não fazer contas ou guardar seus custos na cabeça, as chances de estar com o orçamento estourado são altas.

Por isso, é importante que você em primeiro lugar desenvolva a consciência de que precisa usar seu dinheiro com mais cuidado, para ter uma saúde financeira melhor.

As dicas que vamos compartilhar com você são simples, mas, se aplicadas de forma constante, podem fazer grande diferença no próximo mês e no seu futuro.

Veja também: Planejamento Financeiro 2021 - Serasa Ensina

1. Tenha prioridades

Quando pensamos em sonhos, normalmente há uma lista enorme na nossa mente, certo? O pior erro que você pode cometer é tentar conquistar tudo de uma vez. Mas, como se planejar para tudo isso e gastar menos dinheiro no dia a dia?

A resposta é: tendo prioridades claras. A maioria das pessoas se sente empacada porque tenta conquistar tudo em uma tacada só.
Em consequência, acabam não tendo um planejamento bem-feito, parcelam “até perder de vista” e gastam muito mais do que deveriam.
Vamos supor que na sua lista estão os sonhos de viajar, comprar um celular, comprar uma casa e ter uma aposentadoria tranquila.

O primeiro passo é transformar o sonho em metas! Para cada um dos itens responda:

• Como, especificamente, quero que isso aconteça? Ao invés de apenas “viajar”, por exemplo, uma meta seria: quero viajar para a Disney e conhecer 5 parques para me divertir com a família.
• Quanto vai me custar?
• Até quando isso deve acontecer?
• Por que isso é importante para mim?

Quanto mais específica a meta, mais fácil será incluí-la no seu planejamento.
Um dos pontos principais é escolher sonhos que são atingíveis nesse momento da sua vida.

• Para quando você quer cada sonho?
• Você consegue adiá-lo sem comprometer sua qualidade de vida?
• Quais deles eu quero de verdade? Será que a casa própria é meu sonho mesmo ou é morar sozinho(a)/sair da casa dos pais? (Perceba a diferença?)
• Como posso fazer para isso ficar mais barato?

2. Salve o dinheiro automaticamente

Uma das melhores formas de economizar (e encher a sua reserva de emergência) é através da função que guarda seu dinheiro automaticamente a partir de um valor pré-determinado.

Essa opção ajuda a evitar gastos desnecessários e ainda facilita na hora de poupar mais dinheiros para futuras metas ou até investimentos.

3. Opte sempre pelo pagamento à vista

Existe forma melhor de evitar dívidas do que pagando tudo à vista? Essa forma de pagamento é a melhor e mais indicada para quem deseja ter mais controle na hora das compras.

Afinal, quando vemos o dinheiro dando adeus, conseguimos desenvolver uma trava que não existe para quem compra com crédito.

4. Monitore o seu orçamento mensal

Ter uma planilha ou mesmo anotações de entradas e saídas ajuda a analisar exatamente para onde o seu dinheiro está indo, seja em gastos fundamentais ou não.

Essa também é uma forma de analisar se você está vivendo um padrão de vida compatível sua renda mensal.

5. Dê adeus a gastos desnecessários

Streaming, assinaturas, aplicativo de comida… gastos que isolados são pequenos, mas dependendo do seu hábito de consumo, podem se tornar uma bola de neve.

Sabe aquela comida que estraga ou as roupas que ficam paradas no guarda-roupa? Ou o café que você compra todo dia, mas nem percebe o quanto gasta no total em um mês?

São exemplos clássicos de desperdício de dinheiro. No caso do mercado, você pode diminuir a quantidade de compra dos itens que costumam sobrar. Sobre as roupas, você pode vender o que está parado e ainda fazer uma renda extra

6. Quite as dívidas existentes

Nada de realizar ações para economizar dinheiro sem antes ter a intenção clara de quitar suas dívidas, porque seria literalmente enxugar gelo. Você pode contar com o Serasa Limpa Nome para resolver a situação de forma simples e rápida.

7. Tenha metas claras

Você deseja comprar sua casa própria? Viajar para outro país? Essas metas só podem ser conquistadas com muita organização e planejamento.

Após estabelecer suas prioridades, é importante que você represente de forma clara e visual seus sonhos e quanto custaria para realizá-los. Serve como um alerta para frear na hora de sair gastando.

8. Pague os boletos antecipadamente

A melhor forma de garantir desconto é estando antecipado às dívidas, pagando tudo antes do vencimento. Aos poucos, essa economia pode representar um grande saldo no final do ano.

9. Fuja das compras por impulso

Nada de sair por aí querendo ir às compras quando se está muito triste ou feliz. Isso pode influenciar como você passa o cartão. Se necessário, faça listas para se organizar!

10. Cuidado com parcelamentos

Parcela em duas, três, dez, doze vezes… o seu parcelamento pode parecer uma grande vantagem na hora de pagar por um produto ou serviço. Mas, a longo prazo, pode virar uma grande bola de neve de dívidas.

11. Mantenha seu estilo de vida

Gastar menos do que se ganha é essencial para que as suas finanças fiquem sempre em ordem. A sua vida financeira deve ser resultado de escolhas pensadas, sendo um reflexo da sua saúde financeira.

Seguindo essas dicas, você conseguirá economizar grandes valores no fim do mês para fazer investimentos ou para juntar o montante necessário para abrir o seu tão sonhado negócio próprio, as possibilidades são várias.

Veja também: Planejamento financeiro passo a passo

Se você gostou, não deixe de compartilhar essa publicação com aquele amigo ou familiar que está sempre com dívidas!