Quais são os bancos que fazem empréstimo para negativados?

Quais os bancos que oferecem a modalidade de empréstimo para negativados e os cuidados a considerar antes de contratar o crédito.

Homem vendo os bancos que fazem empréstimo para negativados e conseguindo fazer acordo para pagar dívidas

colunista elaine ortiz

Atualizado em: 7 de julho de 2023.

Encontrar bancos que fazem empréstimo para negativados pode parecer difícil, mas existem sim ofertas de crédito para quem está nessa situação e quer organizar as finanças.

Este artigo traz instituições financeiras que oferecem o serviço, apresenta os tipos de empréstimo disponíveis, traz dicas que podem ajudar na aprovação do crédito e as cautelas necessárias para não se endividar mais.

Assista | Existe empréstimo para negativado?

Quais os tipos de crédito para negativado?

O Brasil registrou um número próximo de 70 milhões de consumidores inadimplentes em abril de 2023, segundo dados da Serasa. Assim, existe uma grande demanda de crédito para pessoas nessa situação. O empréstimo para negativado é possível e é até mesmo recomendado por especialistas de educação financeira quando é possível trocar dívidas mais caras – como as do cartão de crédito ou do cheque especial – por uma única com taxas de juros mais baratas que as aplicadas nessas outras modalidades de crédito.

Assim, existem bancos que fazem empréstimos pessoal para negativados, além de outros tipos de empréstimo, como consignado, financiamento, consórcio, e também financeiras especializadas em quem está inadimplente.

É preciso tomar o cuidado de conhecer bem as taxas de juros aplicadas e ao custo efetivo total (CET) da operação. Isso porque geralmente as ofertas de empréstimo para negativados têm taxas de juros maiores, já que os bancos consideram que o risco de inadimplência é maior.

Conheça os principais tipos de crédito para quem está negativado.

  1. Empréstimo consignado

    O consignado costuma ter juros menores, pois as parcelas são diretamente descontadas do salário e, assim, o banco tem mais segurança de que vai receber de volta o dinheiro concedido.

    Em geral, essa linha de crédito é voltada a funcionários públicos, aposentados e pensionistas, mas muitas empresas privadas também conseguem fazer parceria com bancos para oferecer esse empréstimo a seus funcionários.


  2. Empréstimo com garantia de carro ou imóvel

    Usar um bem como garantia de pagamento de um empréstimo é outra opção para quem está negativado. Essa modalidade, também conhecida como refinanciamento, aumenta as chances de aprovação, oferece condições de pagamento especiais e juros menores que de outras modalidades de crédito.

    Isso porque o fato de haver um bem como garantia diminui muito o risco da inadimplência. Além disso, enquanto as parcelas ainda são quitadas, o bem poderá ser usado normalmente.


  3. Empréstimo pessoal

    É a mais popular das linhas de crédito. O empréstimo pessoal tem taxas de juros que variam de acordo com o banco, garantias e até nível de burocracia. Ele é ideal para situações em que se precisa de pouco dinheiro e a quitação ocorre em poucos meses. Quem tem crédito pré-aprovado no banco pode, por exemplo, contratar o empréstimo pelo próprio aplicativo do celular.

    Mas é preciso cuidado para saber se o valor das parcelas poderá ser pago em meio aos outros compromissos financeiros. Pesquise antes, busque as melhores opções e compare.

    Leia também | Empréstimo para negativado autônomo: como conseguir?

Quais cuidados tomar antes de assinar um contrato de empréstimo?

Como falamos anteriormente, é muito importante a pessoa que está negativada não assinar um contrato em um momento de desespero, sem prestar atenção no documento e ao preço que pagará por aquele crédito. Assim, os principais cuidados que devem ser tomados são:

  1. Cuidado com os golpes

    Fraudadores estão em todos os lugares e podem se aproveitar da situação para tirar proveito. Nunca faça depósitos adiantados. Pesquise bem, acesse sites confiáveis e desconfie de erros de ortografia ou falta de informações de contato.


  2. Saiba o que irá pagar

    Além da taxa de juros, você deve olhar o CET, sigla para Custo Efetivo Total, que é o conjunto de todos os encargos de um empréstimo, como a própria taxa de juros, impostos, seguros e mais.


  3. Tente negociar as dívidas antes

    Procurar as empresas e negociar valores de quitação da dívida em parcelas que caibam no seu bolso pode ser um caminho para nem precisar contratar um empréstimo. No Serasa Limpa Nome, por exemplo, você negocia com empresas parceiras da Serasa. Se as empresas nas quais você deve algum valor estiver entre as parceiras, você consegue fazer a negociação diretamente pelo site da Serasa.


  4. Pesquise muito e compare

    Não assine nunca a primeira proposta que chegar nas suas mãos. E não fique com nenhuma dúvida: questione, pergunte, leia atentamente o contrato. Pesquisar em bancos e financeiras diferentes irá te ajudar a encontrar o melhor empréstimo, com as melhores tarifas. Pode parecer difícil fazer isso, não é mesmo?

    Mas calma, abaixo a gente explica a forma mais prática de encontrar bancos que fazem empréstimo para negativados sem precisar bater de porta em porta ou entrar em inúmeros sites e preencher diversas propostas. Confira!

    Leia também | Como negociar dívidas pela Internet de forma rápida e segura?

Como pesquisar empréstimos online

Quer encontrar o crédito ideal para seu perfil? Acesse o Serasa Crédito, serviço da Serasa que pesquisa ofertas de cartão de crédito, empréstimo pessoal e empréstimo com antecipação do FGTS para você de forma online e gratuita.

Com a plataforma, é possível buscar as melhores opções e compará-las sem sair de casa. Havendo ofertas para seu CPF, a contratação leva poucos minutos.

Lembramos que não há garantias de que um empréstimo seja ofertado para seu CPF. A análise de crédito é feita 100% pelos nossos parceiros.

Veja como é fácil e rápido fazer a pesquisa e descobrir se há ofertas de empréstimo disponíveis para você:

Crédito responsável: direito básico do consumidor

Antes de contratar qualquer tipo de crédito, os consumidores têm o direito de receber informações claras e transparentes sobre os custos associados ao serviço ou produto. Isso inclui detalhes como taxas de juros, multas por atraso, valor das parcelas e qualquer outra informação relevante. Conheça outros direitos:


  1. Acesso às informações: as informações sobre crédito devem estar disponíveis de forma clara e resumida, acessíveis ao consumidor. Isso permite compreender facilmente os termos do contrato ou do serviço.


  2. Legislação de proteção ao consumidor: o artigo 54-B do Código de Defesa do Consumidor estabelece as diretrizes para a transparência nas informações de crédito, assegurando esse direito fundamental.


  3. Responsabilidade do consumidor: o crédito responsável não se limita à transparência das informações. Os consumidores também têm a responsabilidade de:

    ●    avaliar sua capacidade de pagamento antes de contratar um empréstimo ou adquirir um produto ou serviço a crédito;

    ●    definir um orçamento realista;

    ●    estar preparados para cumprir com os compromissos financeiros assumidos.


  4. Direito de arrependimento: o Código de Defesa do Consumidor prevê o direito de arrependimento em compras realizadas fora do estabelecimento comercial (por telefone ou internet), permitindo ao consumidor desistir do contrato em um prazo determinado, sem a necessidade de justificar sua decisão.


O crédito responsável é fundamental para que os consumidores possam tomar decisões financeiras informadas, evitar surpresas desagradáveis e manter a saúde financeira equilibrada.

  1. Acesse o Serasa Crédito

    Acesse o site do Serasa Crédito ou o aplicativo da Serasa, disponível no Google Play e na App Store, e informe seu CPF e senha. Se você ainda não tem cadastro, pode fazer na hora. É rápido e gratuito.

  2. Complete seu perfil

    Ao concluir o login, clique em “atualizar perfil” e preencha com todos os dados solicitados. Isso ajudará você a encontrar as melhores alternativas de crédito.

  3. Faça uma simulação

    Escolha o tipo de crédito que você procura: cartão, empréstimo ou empréstimo FGTS. O Serasa Crédito buscará ofertas para seu perfil junto às instituições financeiras parceiras.

  4. Confira e compare opções

    Se a opção for “empréstimo”, por exemplo, confira as opções recomendadas para você, caso haja ofertas. Na tela aparecerão as principais informações sobre a oferta, como juros, número e valor das parcelas. Para conhecer mais cada opção, basta clicar em "Detalhes da oferta".

  5. Escolha a melhor oferta e finalize a contratação

    Após avaliar as opções disponíveis, se houver, é hora de escolher a opção ideal. Clique em “Solicitar” e aguarde a análise. Em caso de aprovação do crédito, a contratação será finalizada de forma fácil e em poucos minutos.

    O acesso ao Serasa Crédito é gratuito. Assim, você pode buscar e comparar online as opções de cartão de crédito sempre que quiser, sem pagar nada por isso.

Continue acompanhando o blog da Serasa para ter acesso a outros conteúdos exclusivos sobre finanças e educação financeira.