Navegação do blog
  1. Limpa Nome Online
  2. Blog
  3. Recovery O Que E E Quais Dividas Podem Ser Negociados

Recovery: o que é e como funciona

Saiba como a Recovery atual na recuperação de crédito e quais dívidas podem ser negociadas.

Atualizado em: 26 de março de 2024

Categoria Negociar dívidaTempo de leitura: 10 minutos

Texto de: Time Serasa

Notas de Real em fotografia macro. Fundo com papel amarelo e uma caneta na composição. Economia e finanças brasileiras

Imagine a seguinte situação: uma pessoa tem uma dívida com determinado banco, mas a cobrança que recebe vem de outra empresa desconhecida e sem relação com o banco. Então, vêm as dúvidas: que dívida é essa? Por que é outra empresa que está cobrando a dívida? Para entender por que isso acontece é preciso antes saber o que são empresas recuperadoras de crédito. A Recovery é uma delas.

Entenda neste artigo o que é a Recovery, como atua e qual é o caminho da dívida que leva a essa transferência de empresa detentora da dívida.

Assista | Recuperadora de crédito: o que é e como funciona?

O que é a Recovery?

A Recovery é uma empresa que adquire os direitos de cobrança de dívidas de outras empresas e instituições financeiras. Quando isso acontece, ela passa a ser a legítima credora daquele débito, não mais a instituição original. Assim, o consumidor inadimplente passa a ser devedora da Recovery, e não mais da empresa com a qual contraiu a dívida.

É exatamente isso que faz uma recuperadora de crédito. Quando a dívida é transferida, a nova empresa pode negociá-la da forma como quiser, inclusive oferecendo os descontos e condições que achar mais adequados. Esses descontos podem chegar a 99% do valor da dívida ou pode haver opções de parcelamento em até 60 meses.

  • A Recovery faz parte do Grupo Itaú e tem mais de 20 anos de experiência no mercado, período em que ajudou a fechar mais de 3 milhões de acordos. Mas não é só com o Itaú que ela trabalha. Ela tem parceria com diversas empresas, bancos e financeiras, lojas de varejo, prestadores de serviços e concessionárias de serviços públicos, como:
  • ● Caixa Econômica Federal;
  • ● Bradesco;
  • ● Santander;
  • ● Cielo;
  • ● Natura;
  • ● Marisa;
  • ● Carrefour.

 

A Recovery também é parceira do Governo Federal para atuar no Desenrola Brasil. A própria plataforma da empresa pode ser acessada para fazer a negociação das dívidas dentro da proposta do programa.

Leia também | Recuperadora de crédito: o que é e como funciona?

Como funciona a venda de dívidas

As recuperadoras de crédito entram em cena quando as empresas credoras não querem mais tentar receber o crédito diretamente com o devedor ou de forma judicial. Por isso, elas preferem vender a dívida a uma empresa especializada no assunto (como a Recovery) e, com isso, são reembolsadas pelo valor que estava em aberto.

A dívida, então, não desaparece. Ela muda de dono. A recuperadora de crédito passa a ser a nova credora daquele valor e passa a ter o direito de fazer a cobrança. Os meios empregados para isso podem ser os mesmos já usados pela credora anterior – inclusive de forma judicial.

É muito comum, no entanto, que o valor em aberto seja cobrado com descontos e melhores condições de pagamento. Como a recuperadora de crédito costuma ser uma empresa focada somente nesse mercado, pode contar com métodos e ferramentas diferentes para fazer a cobrança. Elas também costumam ajudar os consumidores a sair da inadimplência, limpar o nome e retomar o equilíbrio financeiro.

  • A Recovery, no entanto, não trabalha só adquirindo a dívida de outra empresa. Assim como qualquer recuperadora de crédito, ela também oferece outros serviços para as empresas. No caso:
  • ● cobrança extrajudicial e judicial – a dívida continua sendo da instituição de origem e a Recovery apenas assume o procedimento de cobrança dela, que pode ser judicial ou extrajudicial;
  • ● administração de ativos – a Recovery organiza a transferência de uma dívida entre dois bancos ou duas empresas, o que pode acontecer em caso de portabilidade.

 

Leia também | Quebra de acordo ou quebra de negociação

Como saber se a dívida está na Recovery

Quem tem dívidas com algum banco, empresa ou instituição pode ter a possibilidade de ser cobrado pela Recovery, caso o débito tenha sido vendido. Em geral, a própria Recovery avisa os consumidores inadimplentes que isso aconteceu. No caso, ela envia uma carta ou e-mail comunicando a situação.

Mas também é possível fazer a consulta no próprio site da empresa. Para isso, basta inserir o CPF no campo que aparecerá na tela. Caso não tenha cadastro, será preciso preencher alguns dados para seguir com a consulta. Se nada for encontrado, então a dívida não está com a Recovery. Caso ela esteja lá, o próprio site apresentará as opções de acordo e quitação. Se elas forem interessantes, o negócio pode ser fechado ali mesmo.

  • A dívida também pode ser negociada pelos canais digitais da Recovery:
  • ● WhatsApp (11) 4765-8402 (ou clicando aqui);
  • ● Telefone 0800 772 3331 (segunda a sexta das 8h às 22h e sábados das 8h às 18h).

 

Leia também | Entenda o reescalonamento de dívidas

A Recovery é parceira do Serasa Limpa Nome

O Serasa Limpa Nome disponibiliza o serviço de ofertas de negociação de dívidas com centenas de empresas, incluindo a Recovery, com condições especiais. Na plataforma é possível consultar as dívidas e obter até 90% de desconto para quitar os débitos. O serviço é gratuito e a negociação pode ser feita em apenas 3 minutos nos canais oficiais da Serasa: site, app (iOS e Android) ou WhatsApp (11) 99575-2096.

Siga o passo a passo:

  • Siga o passo a passo:   
  • ●     Acesse o Serasa Limpa Nome ou o app (iOS e Android) e informe seu CPF e senha. 
  • ●     Confira sua dívida na tela e clique em Negociar.  
  • ●     Escolha a melhor opção de pagamento (Pix ou boleto, por exemplo) e o número de parcelas (caso opte pelo parcelamento).  
  • ●     Confirme as condições escolhidas e pronto!  
Celular mostrando a carteira digital Serasa

Compartilhe o artigo

Este artigo foi útil?

Escolha de 1 a 5 estrelas para avaliar

Artigos relacionados