Entrar

Transição de Carreira – Tudo o que precisa saber para começar

Está pensando em fazer transição de carreira, mas não sabe por onde começar? Veja este guia e comece sua mudança hoje mesmo!

colunista Fabiana Ramos
Publicado em: 29 de março de 2022.

Você é feliz na profissão que desenvolve atualmente? Se a resposta for não, saiba que não é o único. Segundo pesquisa feita pela ABRH (Associação Brasileira de Recursos Humanos,) cerca de 72% das pessoas se consideram infelizes em suas carreiras profissionais e por isso muitas delas pensam fazer uma transição de carreira.

O fato é que a jornada profissional já não é mais um processo tão previsível como era antes. E na pandemia isso ficou ainda mais evidente, já que vários profissionais tiveram que se adaptar a outras carreiras neste período, seja por necessidade, seja por vontade.

Se você busca por realização profissional e pensa em fazer uma transição de carreira mas não sabe por onde começar, não se preocupe. Nesse artigo, você vai aprender tudo o que precisa para começar sua mudança hoje mesmo. Confira!

O que é transição de carreira?

Mudança de carreira ou transição de carreira é o movimento feito para a troca da área profissional, fazendo com que a pessoa exerça outras atividades diferentes do que faz atualmente.

Geralmente, a transição acontece devido à insatisfação com a área de trabalho em que se está trabalhando no momento, e os motivos para isso são os mais diversos, podendo ir desde a escolha precoce da profissão, até a falta de motivação ou mesmo de perspectiva de crescimento.

Mas a transição de carreira não parte somente do profissional. Ela pode ser motivada em função das movimentações no mercado de trabalho e até mesmo pela falta de oportunidades naquele ramo de atividade.

Importância de mudar de profissão

Ao longo de toda a trajetória profissional de alguém, podem surgir o desejo e/ou a necessidade de “experimentar novos ares” e fazer uma transição de carreira. E as razões para isso variam bastante de uma pessoa para outra.

Passar por uma mudança na profissão não é uma tarefa simples, mas este processo oferece também algumas vantagens, como:

• Ampliação do autoconhecimento, devido à necessidade de mudança que a transição proporciona;
• Novas perspectivas de trabalho e dedicação para desenvolver outras habilidades;
• Crescimento pessoal e muitas vezes financeiro;
• Possibilidade da ampliação do ciclo de amizades e networking.

Lembrando que, se nossas necessidades mudam ao longo dos anos, a nossa carreira também precisa acompanhar essas mudanças pelas quais passamos.

Assista | 5 habilidades do profissional do futuro com Manual do Homem Moderno

Qual é a hora certa de fazer uma transição de carreira?

A transição de carreira é uma decisão que pode surgir em qualquer momento, não existindo uma idade específica ou quantidade de anos trabalhados na mesma área de atuação.

Sempre existe a possibilidade de mudar, principalmente quando aquela profissão já não te satisfaz mais, tanto em termos financeiros quanto pessoais. Contudo, existem alguns sinais que demonstram que chegou a hora de você realizar uma transição. São eles:

  • Você não possui mais estímulo para realizar suas atividades no trabalho, nem aquelas que antes lhe davam muito prazer;

  • Constantemente você se sente estressado e muito cansado com a rotina do seu trabalho atual. O trabalho se tornou um fardo e você sente impactos na sua saúde física e mental;

  • O retorno financeiro já não é mais o que te prende ao emprego atual;

  • Você não se identifica com os propósitos da sua carreira. Ou seja, ela já não se encaixa mais em sua personalidade, desejos profissionais e valores pessoais;

  • O seu trabalho atual te solicita capacidades que você não tem e também não deseja desenvolver;

  • Sua profissão está passando por uma crise no mercado econômico e há grande chance de contratações na área.

Caso tenha se identificado com uma ou mais dessas características, chegou a hora de repensar o que você poderia fazer ou em que área gostaria mais de atuar.

Leia também | Reserva de emergência: como fazer a sua e se preparar para imprevistos?

Por onde começar?

A transição se inicia com o planejamento. Não é possível trocar de profissão de forma repentina e sem se planejar. É necessário que você faça a reflexão sobre os passos que precisa percorrer para trocar de trabalho com confiança.

Tenha em mente os motivos que fazem você querer construir outra carreira. Além disso, analise as atividades que você pode fazer para se manter atualizado até alcançar o seu novo objetivo. No planejamento, você define o cenário ideal que está procurando.

Nele você fará uma reflexão sobre sua jornada profissional e as áreas de atuação que fazem sentido para você. Esta é uma etapa que também envolve as perspectivas para realizar esse movimento.

A questão é que não há uma “receita de bolo” que funcione em todos os casos de mudança de profissão. Você vai precisar construir a sua história e dar um passo de cada vez. Somente assim será possível fazer essa transição acontecer com mais tranquilidade.

Enquanto isso, prepare-se financeiramente. Crie uma reserva que te dará o suporte necessário para realizar a troca de emprego com tranquilidade.

Leia também | Empreendedorismo digital: conheça essa profissão em alta

Como fazer uma boa transição de carreira - Passo a passo

Para facilitar um pouco mais esse processo, separamos alguns passos para te auxiliar. Veja abaixo:

1. Descubra a formação necessária para a área que deseja seguir 

Em algumas áreas de atuação, você vai precisar apenas de cursos complementares para poder ingressar, ao passo que, em carreiras mais técnicas, poderá ser necessário investir em graduações, cursos de extensão, MBAs, etc.

Pesquise bastante sobre a profissão e defina todos os cursos ou qualificações que serão necessários.

2. Experimente a nova profissão

Se tiver oportunidade, experimente, de forma prática, a nova profissão. Faça estágios ou treinamentos, ainda que não remunerados, somente para sentir a nova área e ver se é isso mesmo que você está procurando. Os cursos de formação podem te dar suporte, bem como uma aproximação maior com a nova área de atuação.

3. Tenha experiência 

Nem sempre você vai conseguir fazer a troca rapidamente, uma vez que a maioria das empresas exige experiência na área.

Para contornar essa exigência, procure por trabalhos voluntários, estágios e vivências no novo campo de atuação.

4. Faça processos seletivos 

A primeira oportunidade de emprego talvez seja a parte mais difícil do processo de transição de carreira. Mas não se deixe abater, faça quantas entrevistas forem necessárias e se candidate para todas as vagas que surgirem.

Prepare-se para o processo seletivo de forma eficiente. Além disso, procure destacar suas principais qualidades e deixe claro que suas experiências nos trabalhos anteriores podem contribuir de algum modo com o novo.

Agora que já sabe como fazer uma transição de carreira, siga os passos acima, realize o processo com calma e seja feliz na sua nova profissão! Para mais dicas de educação financeira, continue acompanhando o blog da Serasa.