Entrar

Black Friday: como comparar preços e descobrir se um desconto é verdadeiro?

Por Lise Brenol

Comparar preços é importante para não pagar mais caro nos produtos que você deseja adquirir na Black Friday. Confira seis opções de sites que vão te ajudar.

Comparar preços é uma prática cada vez mais necessária para os consumidores que desejam comprar na Black Friday. Isso porque, no Brasil, o evento conhecido por proporcionar grandes descontos também é marcado por muitos golpes, e o principal deles é o do “desconto maquiado”.

Na prática, os lojistas aumentam os preços nas vésperas da Black Friday para, na data, anunciar ofertas mais atrativas. De acordo com um levantamento feito pelo Procon-SP, nos últimos anos, os falsos descontos foram o principal motivo de reclamação dos compradores (30%). Na lista de queixas, também apareceu a mudança de preço ao finalizar a compra em lojas virtuais (18,2%).

A Black Friday 2021 já tem data marcada: 26 de novembro. Para fugir de promoções enganosas, utilizar comparadores de preços é um cuidado importante para não se deixar levar pelos anúncios e acabar pagando mais caro.

6 sites para comparar preços antes e durante a Black Friday 2021

A seguir, listamos seis opções de sites de comparação de preços vão te ajudar a prevenir esse tipo de golpe e aproveitar a Black Friday com descontos de verdade. Confira:

1. Compare TechTudo

O Compare TechTudo é um site comparador de preços. Como o próprio nome sugere, nele o consumidor pode encontrar as melhores promoções de itens relacionados a tecnologia, como celulares, TVs, jogos, notebooks, câmeras, fones de ouvido, caixas de som e muitos outros produtos.

No site, você pode fazer uma busca pelo produto que deseja comprar e ver todos os preços de lojas confiáveis. Além disso, é possível filtrar a pesquisa por preço, o que facilita a tarefa de identificar qual loja está vendendo aquilo que você deseja pelo melhor valor.

2. Zoom 

O Zoom é uma plataforma de comparação de preços que reúne informações de milhares de lojistas. A proposta do serviço é recomendar aos usuários lojas confiáveis a partir de uma análise prévia na Receita Federal e órgãos de proteção ao consumidor, além de comparar preços de produtos em diferentes lojas virtuais e recomendar a melhor oferta para o seu perfil.

Outro ponto interessante é que o site oferece informações e análise sobre os produtos e avaliações de outros consumidores, o que traz ainda mais segurança na decisão de compra.

O usuário pode fazer a pesquisa de duas formas: com ou sem cadastro. A vantagem de se cadastrar é que você pode salvar produtos em sua lista de desejos e receber alertas em casos de queda de preços ou pechinchas.

3. JáCotei

Outra opção para comparar preços durante a Black Friday é o JáCotei, que reúne ofertas de mais de 300 lojas virtuais brasileiras. O site também oferece cupons de descontos diários para produtos selecionados, então, também vale a pena acompanhar as ofertas em outros períodos do ano.

O JáCotei possui uma página exclusiva para as ofertas de Black Friday. Nela, o consumidor pode acessar os conteúdos sobre as categorias e produtos mais procurados no evento, criar sua lista de desejos e programar alertas para quando os preços caírem.

O site tamém conta com um gráfico de variação de preço e, para ter acesso a esses serviços, basta fazer um cadastro.

4. Promobit

O comparador de preços Promobit é uma opção interessante para aqueles que gostam de consultar recomendações de especialistas ou conferir avaliações de outros consumidores antes de fechar negócio.

A plataforma se apresenta como “a maior comunidade de ofertas da Internet”. Isso porque a curadoria é feita por especialistas que estão dispostos a responder as dúvidas dos usuários e, assim, tornar a experiência de compra mais segura.

No ano passado, a comunidade Promobit alcançou a marca de um milhão de membros e, hoje, possui uma página específica para promoções de Black Friday.

5. Buscapé

Quando o assunto é comparar preços, o Buscapé é um dos sites mais conhecidos.

Um dos principais serviços disponíveis na plataforma é o monitoramento do histórico de preços de produtos nos últimos 40 dias ou nos últimos seis meses. Esse recurso ajuda o consumidor a identificar se houve aumento repentino nas vésperas da Black Friday para não cair nos falsos descontos.

Assim como outras opções que já mencionamos, o Buscapé permite que o consumidor crie um alerta e seja notificado quando o preço do produto que ele procura baixar.

Outro diferencial importante é que, de tempos em tempos, o Buscapé firma parcerias com e-commerces para trazer ofertas com condições especiais aos consumidores.

Atualmente, por exemplo, a plataforma oferece a opção de cashback ao comprar produtos selecionados na Amazon. Na lista, estão: celulares, geladeiras, notebooks, videogames e outros.

6. Reduza

O site Reduza traz uma proposta que vai além de comparar preços. A ideia é ajudar o consumidor a encontrar o maior desconto e pagar o menor preço possível pelos produtos que deseja. Inclusive, o slogan da plataforma é “feito com todo o carinho por mãos-de-vaca”.

Funciona assim: o usuário acessa o site e “cola” a URL da oferta de um produto que encontrou. Em seguida, é só clicar em “Reduzir o preço” e a plataforma buscará descontos e promoções especiais.

Uma das grandes vantagens do Reduza é que, durante o período de Black Friday, o site também oferece o serviço de verificação de confiança do site de e-commerce, o que ajuda o consumidor a evitar fraudes.

Para aqueles que gostam de receber ofertas por e-mail o ano inteiro, o Reduza também disponibiliza assinaturas.

Com tantas opções, ficou mais fácil comparar preços e fugir dos falsos descontos, não é mesmo? Além de ajudarem o consumidor a encontrar as melhores ofertas, alguns desses sites podem ser grandes aliados para te ajudar a identificar páginas falsas, criadas por golpistas para roubar suas informações pessoais e seu dinheiro.

Quer evitar fraudes e problemas futuros? Conheça o Serasa Premium

Com ele, você será alertado por e-mail e SMS sempre que houver uma movimentação no seu CPF e CNPJ como: novas consultas, protestos, ações judiciais, vazamento de dados na Dark Web e mudança em seu score e muito mais:

Função Lock&Unlock: bloqueie e desbloqueie seu Serasa Score para consultas de terceiros. Isso pode ajudar você a evitar que golpistas peçam crédito em seu nome.

Relatórios: receba um resumo quinzenal e tenha acesso total ao seu histórico de dados.

Consultor VIP:
atendimento exclusivo sempre que precisar de ajuda.