Entrar

Criptografia: entenda o que é e como oferece segurança digital

Entenda o que é e quais os benefícios da criptografia para manter seus dados seguros

Foto Vanessa Conulista
Publicado em: 19 de abril de 2022.

Provavelmente, em algum momento, você já foi convencido de que algum processo na internet era seguro, pois contava com a criptografia, certo?

Acontece que nos últimos tempos, a segurança de dados na internet tornou-se fundamental, principalmente devido aos grandes vazamentos de informações privadas que têm ocorrido, normalmente, relacionadas às finanças pessoais.

Muitas das vezes, as pessoas nem mesmo entendem como acontece a segurança de suas transações, mas ainda assim confiam naquele processo. Não à toa, os meios digitais têm se difundido cada vez mais e estão se tornando a principal forma de efetuar pagamentos, fazer transferências e contratar serviços.

É o que revelou a pesquisa Pagamentos Móveis e Comércio Móvel no Brasil, realizada pela Serasa em parceria com a Opinion Box em 2021. Segundo os dados, 34% dos brasileiros com smartphone já fizeram pagamentos por aproximação, o que representa um aumento de 11 pontos em um ano.

Outro dado interessante é que, desses mesmos brasileiros com smartphones, 25% já contrataram um empréstimo via aplicativo; e 15% já contrataram um seguro com este mesmo canal.

Ou seja, a população tem aproveitado cada vez mais os benefícios da tecnologia e confiado mais na segurança que esses serviços oferecem, mesmo sem, ao certo, saberem como isso funciona.

Então, para que você aprenda mais sobre a tecnologia criptografada os tipos de criptografia e como manter seus dados mais seguros na internet, continue por aqui e boa leitura!

O que é criptografia?

A definição básica da criptografia nada mais é que “escrita codificada por abreviaturas ou sinais”. Ou seja, são códigos criptógrafos desenvolvidos para proteger o tráfego de mensagens entre os envolvidos. Assim, ao chegar ao destino, a decodificação transformará abreviaturas, sinais e números na mensagem enviada para que o receptor a entenda.

A criptografia serve para ocultar mensagens e mantê-las em segurança. Quanto melhor codificadas forem as informações, menores as chances de as mensagens serem acessadas e interpretadas por terceiros.

Leia também | Segurança digital: o que é e como criar uma senha forte

Como a criptografia oferece segurança digital?

Quando se fala em informações protegidas, elas podem incluir de tudo, sejam dados de pagamento ou até informações pessoais, como aquelas mensagens que você troca no WhatsApp e ninguém pode saber.

Assim, os softwares de criptografia de dados, que também são conhecidos como algoritmo de criptografia, ou codificação, são usados para desenvolver um esquema de criptografia que teoricamente pode ser desvendado apenas com uma grande capacidade de processamento.

Acontece que, para que a informação saia de um lugar a vá para outro, ela passa por uma série de dispositivos conectados e espalhados pelo mundo, inclusive que fazem parte da rede pública.

À medida que isso acontece, os dados correm o risco de serem comprometidos ou roubados por hackers.

Hoje em dia, há dois tipos de criptografia mais comuns, a simétrica e a assimétrica, também conhecidas como tipos de algoritmos. Veja, agora, em mais detalhes as características de cada um.

Criptografia simétrica

É a criptografia de chaves privadas, usada para codificar e para decodificar, sendo o processo preferido por usuários individuais e sistemas fechados.

Se não for dessa forma, a chave deve ser enviada ao destinatário, o que aumenta o risco de comprometimento se for interceptada por um terceiro, como um hacker. Esse método é mais rápido do que o método assimétrico.

Criptografia assimétrica

Aqui, o processo usa duas chaves diferentes, uma pública e uma privada, que são vinculadas matematicamente. A chave simétrica é apenas grandes números que foram emparelhados um ao outro, mas não são idênticos, por isso o termo assimétrico.

Assim, a chave privada é mantida em segredo pelo usuário, e a chave pública também é compartilhada entre destinatários autorizados ou disponibilizada ao público em geral.

Benefícios da criptografia

Agora que você já sabe o conceito básico de criptografia e como são conhecidos seus principais algoritmos, conheça seus principais benefícios.

Integridade dos dados

A ação dos criminosos não se limita apenas a roubar dados na internet, mas também alterá-las e comprometê-las. Sendo assim, a criptografia permite que os destinatários dos dados possam detectar a corrupção e possibilitar uma resposta rápida.

Cumprimento de regulamentações

Para que você utilize serviços na internet, sejam bancários, e-mails, mensagens ou outros, é necessário que você confie no seu prestador desses serviços, mesmo que não consiga interferir na segurança de dados.

Devido a isso, no Brasil, há algumas regulamentações bem rigorosas para que seus dados não se tornem vulneráveis. Então, muitos setores, como serviços financeiros ou prestadores de serviços de saúde, devem cumprir algumas obrigações quando o assunto é armazenamento de dados para evitar que o cliente caia em um golpe financeiro.

A criptografia ajuda essas organizações a atenderem esses padrões e garantir a conformidade.

Proteção de dados entre dispositivos

Quem usa vários dispositivos no dia a dia sabe que é inevitável a transferência de dados entre eles, o que torna esses dados vulneráveis no quesito segurança digital.

Portanto, a tecnologia de criptografia ajuda a proteger dados entre dispositivos, mesmo durante a transferência. Vale lembrar que, algumas medidas de segurança adicionais, como autenticação avançada, podem ajudar ainda mais a deter usuários não autorizados.

Criptografia e segurança de redes

Mesmo sem perceber, você utiliza os serviços da criptografia diariamente. Ela está presente:

• No caixa eletrônico que você sacar ou depositar dinheiro;
• Na loja virtual que você compra produtos pela internet;
• No seu notebook;
• Quando você acessa seus sites preferidos;
• Nos apps de troca de mensagens, como WhatsApp, por exemplo;
• Nas assinaturas digitais de documentos virtuais.

Assista | Como escapar de fraudes digitais

Quer saber mais sobre como se proteger de fraudes na internet? Assista o vídeo com dicas práticas.

Como proteger seus dados?

Se você pesquisou por este tipo de conteúdo e chegou até aqui a fim de conhecer mais a segurança da criptografia, é sinal que se preocupa com seus dados e como mantê-los protegidos, certo?

Realmente, hoje em dia, mesmo com tanta tecnologia por trás, nem sempre todos estão isentos de roubo de dados ou fraudes na internet. Então, para te ajudar a manter-se ainda mais seguro, o serviço Serasa Premium, desenvolvido pela Serasa, evita a fraude antes que ela aconteça com você.

Este serviço permite que você:

• Monitore seus dados criptografados em tempo real;
• Proteja seus dados na dark web;
• Seja notificado sempre que alguém consultar seu CPF;
• Receba relatórios mensais;
• E ainda consulte e acompanhe seu Serasa Score.

Aproveite para conhecer o Serasa Premium e proteger seus dados de golpes e fraudes e evitar cair no golpe do WhatsApp clonado.