Entrar

Dinheiro esquecido nos bancos: até quando resgatar o saldo?

Poupanças e contas encerradas sem saldo são alguns exemplos de dinheiro esquecido nos bancos. Quer saber até quando resgatá-lo? Leia o nosso post!

colunista Serrana Filetti
Publicado em: 13 de julho de 2022.

Sabe aquela conta em uma instituição financeira que você parou de usar anos atrás e nunca mais ouviu falar? Pode ser que você possua algum dinheiro esquecido nos bancos e nem tenha conhecimento disso! Já pensou que legal descobrir que você pode resgatar essa quantia inesperada?

É como achar dinheiro na rua, com a diferença de que a quantia é sua de direito, e não de outra pessoa. Poupanças ou contas correntes encerradas sem saldo, parcelas e créditos cobrados de modo indevido são exemplos de dinheiro que você pode ter esquecido em uma instituição financeira. Assim como a cobrança indevida de tarifas, cotas de capital e até rateio em cooperativas de crédito e consórcio finalizado.

Portanto, se você se enquadra em um desses requisitos, é importante verificar se tem algo a receber. No entanto, como descobrir se você tem esse direito e até quando resgatar o seu saldo? Neste artigo, vamos explicar tudo isso. Confira!

Como consultar o dinheiro esquecido nos bancos?

Para consultar o dinheiro esquecido nos bancos, você deve:

• Acessar o site Valores a Receber;
• Informar a data de nascimento e o CPF;
• Cadastrar no portal gov.br;
• Aceitar o Termo de Responsabilidade;
• Clicar em “Consultar”.

Em seguida, siga esses passos:

1. Clique em “Valor a Receber”;
2. Escolha a instituição que restituirá o valor;
3. Toque em “Origem do Valor”;
4. Se precisar, consulte as informações extras.

Por fim, escolha uma dessas opções:

“Solicitar Por Aqui” – se você deseja receber por Pix em 12 dias úteis;
“Solicitar Via Instituição” – para contato por e-mail e telefone.

O que é o Sistema Valores a Receber?

É uma plataforma onde os brasileiros podem consultar valores esquecidos em instituições financeiras. O site também permite o resgate deste dinheiro. Segundo o Banco Central, a plataforma é um canal de comunicação que facilita o acesso de empresas e pessoas aos bancos.

Como existem instituições que não conseguem encontrar o cliente, já que o consumidor pode ter mudado de telefone ou cidade, a plataforma ajuda a localizar as pessoas que podem ter algum valor a ser resgatado.

Até quando resgatar o saldo esquecido?

Para quem perdeu o prazo para resgatar os valores, basta realizar a consulta no site Valores a Receber sempre que desejar. Em seguida, pedir o resgate, pois o dinheiro estará disponível. E, ainda que você não consulte os valores ou peça transferência, não será prejudicado sobre os recursos que tiver direito.

Contudo, segundo o Banco Central, o dinheiro esquecido nos bancos não resgatado ficará guardado na instituição financeira até que o resgate seja solicitado.

Qual o valor mínimo a receber do dinheiro esquecido?

Não há valor mínimo ou máximo de resgate. Portanto, mesmo se você tiver centavos a receber, poderá pedir a transferência. Além disso, depois que solicitar o resgate do dinheiro, os bancos têm até 12 dias para devolver os valores a partir do seu pedido. Sobre o depósito, ele pode ser feito via Pix.

O que fazer com o dinheiro esquecido nos bancos?

Caso você tenha uma quantia considerável esquecida no banco, pode aproveitar o valor para quitar as suas dívidas. Aqui na Serasa, você pode fazer isso pela plataforma Limpa Nome, onde é possível negociar os seus débitos. Nela, você tem várias vantagens e descontos de até 90%, além de praticidade para negociar as suas dívidas com segurança.

No Serasa Limpa Nome, você também acompanha o andamento dos seus acordos e parcelamentos. É, ainda, possível negociar e acompanhar as dívidas negativadas ou as contas atrasadas (não negativadas). Outra possibilidade é usar o dinheiro esquecido nos bancos para começar uma reserva financeira, como ensinamos no método 50 30 20.

Veja neste vídeo onde investir a reserva de emergência

Essa reserva, que também é conhecida como reserva de emergência, poderá ser usada em casos de necessidade ou para cobrir os imprevistos. Além disso, é importante ter um planejamento financeiro, que vai te ajudar a controlar as dívidas e até mesmo a juntar o dinheiro que desejar – e isso vale até para quem não tem dívidas!

Inclusive, se você está com o nome limpo e já tem uma reserva de emergência, que tal usar o dinheiro esquecido nos bancos para investir ou gastar em algo que você realmente precisa?

E os valores baixos, o que fazer com eles?

Para quem recebe valores muito baixos, o recomendado é quitar parte dos débitos e tentar renegociar os pagamentos pendentes. Afinal, abater as dívidas, seja qual valor for, sempre vai valer a pena. Essa é uma forma de aliviar não só o bolso, mas o estresse psicológico.

Isso é tão sério que, segundo uma pesquisa realizada pela Serasa em 2021, o endividamento atrapalha o bem-estar. Pois, 88% dos brasileiros já sentiram vergonha e 85% tiveram insônia/dificuldade para dormir por estarem endividados. Além disso, a pesquisa revelou que em relação aos impactos emocionais com o endividamento, 64% dos brasileiros tiveram sua condição financeira e emocional afetadas pela pandemia.

E se o valor recebido não der para abater o que precisa, você pode usá-lo para ajudar a pagar uma parcela de uma prestação da roupa comprada ou até mesmo no aluguel da sua casa. Contudo, o importante é sempre propor renegociações, pois tanto pessoas como empresas e bancos estão dispostos a negociar as dívidas.

Por que quitar as dívidas com o dinheiro esquecido nos bancos?

Em primeiro lugar, porque ao pagar as contas em dia faz bem para sua saúde financeira e contribui para uma pontuação no Score. Com as dívidas quitadas, você tem maior facilidade na hora de conseguir crédito. Assim, pode comprar na loja da sua preferência, realizar o sonho de adquirir um automóvel ou uma moto e tentar financiar a sua casa.

Leia também: Como negociar dívidas pela Internet de forma rápida e segura?

Como você pode ver, o dinheiro esquecido nos bancos pode ser resgatado a hora que você desejar. No entanto, ao solicitar e receber a quantia a que você tem direito, tenha em mente o quanto é importante pensar em quitar as suas dívidas e fazer a sua reserva de emergência. Afinal, essa quantia não estava prevista em seu orçamento, não é mesmo? Então que tal usá-la para melhorar a sua vida financeira?

Gostou do conteúdo? Quer saber como renegociar as suas dívidas? Acesse a plataforma Serasa Limpa Nome e negocie as suas pendências!