Entrar

Saque aniversário FGTS: entenda como funciona na prática

Está em dúvida sobre como retirar o saque aniversário FGTS e quais são os requisitos? Saiba tudo sobre este abono!

colunista Veridiana Lopes
Publicado em: 26 de abril de 2022.

Quer entender como funciona o saque aniversário FGTS? Se você ainda não sabe do que se trata, leia este artigo até o final para esclarecer suas dúvidas e conhecer seus direitos!

Essa é uma opção que vale para aqueles que são trabalhadores regidos pela CLT. Em 2022, houve algumas mudanças no saque aniversário, então é bom ficar atento às novas regras para saber como proceder caso queira antecipar o recebimento de um percentual do FGTS.

Para entender mais sobre o tema, continue lendo!

O que é saque aniversário FGTS?

Nessa modalidade, vigente desde 2020, o trabalhador pode fazer retiradas anuais do saldo do FGTS, sempre no mês do aniversário. Com ele, você consegue retirar uma parcela do saldo no fundo de garantia, não importa se a conta está ativa ou inativa.

Como funciona o saque aniversário FGTS?

Para aderir ao saque aniversário, você precisa solicitar voluntariamente. Isso pode ser feito de pelo menos três maneiras: pelo app do FGTS, pelo portal da Caixa Econômica Federal e, por fim, indo direto a uma agência bancária.

Inclusive, se você tiver mais de R$ 300 de saldo no fundo de garantia, conseguirá antecipar o montante no Serasa eCred.

Vale lembrar que outros benefícios do FGTS, como em caso de aposentadoria, doença ou aquisição de imóveis, não sofrem interferência com o saque aniversário.

Mas é obrigatório resgatar o saque aniversário? Não é obrigatório, você saca o valor apenas se tiver interesse!

Antes só era possível aderir essa modalidade em alguns casos específicos, como por exemplo, ter mais de 70 anos ou em caso de calamidade pública. Hoje, já não existem mais essas restrições.

Saiba mais sobre o saque aniversário FTS clicando aqui!

Critérios para fazer o saque aniversário

Em fevereiro deste ano, surgiram novas regras para retirada do benefício. Preste atenção!

O abono poderá ser sacado de forma integral pelos próximos cinco anos. Antes, o período era de apenas três anos. Isso é algo positivo para o trabalhador, pois poderá usufruir do benefício por mais tempo.

Para conseguir o acesso, é preciso seguir alguns critérios básicos:

• Possuir 18 anos de idade ou mais.
• Ter uma conta na Caixa.
• Optar pelo saque aniversário e dar autorização para que o banco consulte seu saldo no FGTS.
• Ter o CPF regular.
• Não ter dívidas na Caixa.

Quer checar o seu saldo? Entenda como consultar o FGTS pelo CPF.

O que você precisa saber sobre o saque aniversário FGTS

Haverá limitação do FGTS

Caso você opte por fazer saques anualmente do FGTS, não poderá fazer a retirada total da conta em caso de demissão. Isso significa que você terá direito a somente 40% dos valores disponíveis, o que inclui férias proporcionais, aviso prévio e outros benefícios.

Esse é um ponto muito importante para entender antes de aderir ao saque aniversário. Caso não possua uma reserva de emergência completa, esse dinheiro com certeza fará falta caso perca o emprego.

Prazo de 2 anos

Se você optar pelo benefício anual, só conseguirá voltar atrás (resgate integral se for demitido) após o prazo de dois anos. Logo, avalie bem se é isso o que você quer mesmo!

Prazo para saque

Ao escolher o FGTS saque aniversário, o prazo é de três meses para resgatar o dinheiro. Isso inclui o próprio mês do seu aniversário e os dois meses subsequentes.

Solicitação do benefício

É necessário fazer a solicitação do benefício, caso faça sentido para você. Para isso, o prazo limite é até o último dia útil referente ao mês do seu aniversário. Se você perder esta data, só conseguirá sacar no ano seguinte.

Por exemplo, se você faz aniversário em fevereiro e tentar o saque em março, não será possível. É necessário esperar até o próximo ano.

Valor do saque aniversário FGTS

Para 2022, a Caixa já divulgou as datas de adesão ao saque aniversário. Confira abaixo:
  • Janeiro: 03/01 a 31/03

  • Fevereiro: 01/02 a 29/04

  • Março: 02/03 a 31/05

  • Abril: 01/04 a 30/06

  • Maio: 02/05 a 29/07

  • Junho: 01/06 a 31/08

  • Julho: 01/07 a 30/09

  • Agosto: 01/08 a 31/10

  • Setembro: 01/09 a 30/11

  • Outubro: 03/10 a 30/12

  • Novembro: 01/11 a 31/01/23

  • Dezembro: 01/12 a 28/02/23

É vantajoso optar pelo saque aniversário?

Para saber se vale a pena aderir ao benefício, é importante considerar alguns pontos importantes.

O saque aniversário, com certeza, não vale a pena para quem ainda não possui uma reserva. Se existe algum risco de você ser demitido sem justa causa, você precisa pensar duas vezes antes de aderir ao saque aniversário FGTS.

Então verifique: como está a sua reserva de emergência? Ela poderá cobrir seus gastos caso fique sem salário? Por quanto tempo? Pense bem nisso.

Porém, há casos em que vale sim a pena aderir ao benefício. Por exemplo, se você sacar o dinheiro para investir e aproveitar o poder dos juros compostos, pode ser mais vantajoso do que simplesmente utilizá-lo para gastos habituais. Nada melhor que fazer o seu dinheiro trabalhar por você, não é mesmo?

Além disso, se você possui dívidas urgentes, pode valer a pena fazer o saque, para não ter que arcar com juros.

Assista também ao vídeo: Saque digital do FGTS

Como funciona o cálculo do saque?

Essa é uma dúvida que surge naturalmente ao pensar em fazer o saque do benefício todos os anos. Como calcular, afinal?

O quanto você pode receber dependerá do saldo que tem disponível na conta do FGTS. Se o saldo é de até R$ 500, você pode retirar 50% do valor total.

Para valores maiores, o valor percentual cai gradativamente, com pagamento adicional de um valor que é fixo.

Por exemplo, quem possui o saldo de R$ 1000,01 até R$ 5 mil, o percentual de saque é 30%, com parcela adicional de R$ 150.

Já quem tem o saldo de R$ 5 mil a R$ 10 mil, a porcentagem do saque é de 20%, com parcela adicional de R$ 650.

E, assim por diante, os percentuais de saque se alteram, bem como os valores das parcelas adicionais.

Não esqueça de continuar acompanhando o blog da Serasa!

Está precisando adiantar o seu acesso ao saldo total do Fundo de Garantia? Simule o empréstimo FGTS!