Entrar

Como quitar dívidas com bancos? Entenda como negociar sem sair de casa!

Sabe quando chega o fim do mês e o salário já foi todo embora?

Muita gente acaba pegando um pouquinho do cheque especial, usando a mais o cartão de crédito e, quando vai ver, pronto: taxas e juros correndo.

Uma vez nesta situação, a cabeça a mil se pergunta: como quitar dívidas com bancos?

Contrair este tipo de dívida com banco é sempre algo que tira o sono. O principal motivo são multas e juros, que podem chegar a 875% ao ano no crédito rotativo, segundo o jornal Valor Econômico.

Um levantamento da Serasa chegou ao seguinte dado: o gasto médio mensal do brasileiro com cartão de crédito é de R$ 1.125. Já a renda média do país em 2020 era de R$ 1.380 mensais. Ou seja, os brasileiros estão comprometendo demais a renda com o cartão de crédito.

O ideal, segundo especialistas, é que as dívidas com bancos fiquem entre 15% e 30% do salário, o que daria entre R$ 207 e R$ 414, com base na renda média do país.

Você está nesta situação, devendo para algum banco? Não sabe a melhor forma de voltar a ficar no azul? Seus dias de insônia vão acabar! Veja as principais dicas de como negociar dívida com banco e quitar suas pendências do conforto do seu lar!

Como negociar dívida com banco?

O primeiro passo antes de ir atrás do banco para negociar débitos é colocar em dia o seu orçamento. Para isso, é interessante fazer um levantamento das finanças, colocar tudo no papel e ter uma visão ampla da sua vida financeira.

Faça uma lista com as dívidas, por ordem de prioridade. Ou seja, aquelas mais altas e que correm mais juros devem ser pagas primeiro. Se você tem dívidas com banco, tente priorizá-las, justamente por conta dessas taxas que podem acabar virando uma bola de neve.

Orçamento organizado?! É hora de correr atrás do prejuízo e identificar a melhor forma de como negociar dívida com banco.

É possível negociar débitos diretamente com a instituição credora sem sair de casa, sim. Mas também é possível verificar ofertas na Serasa Limpa Nome. Muitos bancos e instituições financeiras parceiros oferecem ótimas oportunidades de renegociação de dívidas.